Receba as notícias do montesclaros.com pelo WhatsApp
montesclaros.com - Ano 23 - sexta-feira, 1 de julho de 2022

Copasa explica em nota o que aconteceu com o interceptor da rede coletora de esgoto na Avenida Sidney Chaves: o vilão pode ser o "lançamento indevido de lixo e de água das chuvas nas redes coletoras de esgoto". Leia

Quinta 30/12/21 - 5h51

Divulgação da Copasa:


NOTA À IMPRENSA


Na segunda-feira (27/12), o interceptor da rede coletora de esgoto da Copasa, localizado na avenida Sidney Chaves, no cruzamento com a avenida Deputado Esteves Rodrigues, sentido Centro-Bairro, em Montes Claros, foi danificado, situação que causou comprometimento do pavimento asfáltico e impossibilitou o trânsito no local.

A Copasa, com o apoio do município, imediatamente, interditou o trecho da avenida Sidney Chaves, com o isolamento da área. A Companhia aguarda as condições adequadas de clima e segurança para realizar a avaliação técnica do grau de comprometimento do interceptor (canal que recebe o esgoto das redes coletoras) e estabelecer as medidas a serem adotadas.

A Companhia alerta para os fatores que têm provocado danos ao sistema de esgotamento sanitário, tais como o lançamento indevido de lixo e de água das chuvas nas redes coletoras de esgoto. Grande parte dos imóveis de Montes Claros lança indevidamente água de chuva nos ramais de esgoto e redes coletoras, provocando extravasamento e refluxos, principalmente, nas partes mais baixas da cidade, uma vez que as redes foram projetadas para receber exclusivamente esgoto. O lançamento de água pluvial na rede de esgotamento sanitário é proibido e passível de multa.

O interceptor localizado na avenida Sidney Chaves é responsável por levar grandes volumes de esgoto coletado até a nossa Estação de Tratamento de Esgoto (ETE). Quando esse volume é ampliado pela presença de águas pluviais, podem ocorrer consequências como a ruptura dos interceptores e o comprometimento dos processos de tratamento da Estação de Tratamento de Esgoto (ETE).

Por isso, torna-se imprescindível o apoio de todos para o uso consciente do sistema de esgotamento sanitário do município, não jogando resíduos sólidos e principalmente, evitando o lançamento de águas das chuvas no seu ramal de ligação de esgoto.

Compartilhe
Siga-nos nas redes sociais