Receba as notícias do montesclaros.com pelo WhatsApp
montesclaros.com - Ano 23 - segunda-feira, 4 de julho de 2022

Boa notícia: enzima descoberta no sangue abre caminho para identificar recém-nascido que pode morrer dormindo, fantasma que assombra os pais do mundo inteiro

Sábado 14/05/22 - 6h23

Pesquisadores australianos identificaram um marcador bioquímico no sangue que pode ajudar a identificar bebês recém-nascidos que correm o risco de Síndrome de Morte Súbita Infantil (SMSI).

A descoberta cria um caminho para intervenções futuras que podem evitar as mortes.

Na pesquisa anunciada, bebês que morreram tinham níveis menores de uma enzima chamada Butirilcolinesterase (BChE) pouco depois do nascimento.

Ela atua na via de estímulo ao cérebro.

Baixos níveis reduziriam a capacidade de um bebê dormindo acordar ou responder ao ambiente.

“Um bebê aparentemente saudável dormindo e não acordando é o pesadelo de qualquer pai, e até agora não havia absolutamente nenhuma maneira de saber qual bebê passaria por isso”, disse uma fonte, que completou:

- Mas esse não é mais o caso. Descobrimos o primeiro marcador que indica vulnerabilidade antes da morte”.

Compartilhe
Siga-nos nas redes sociais