Receba as notícias do montesclaros.com pelo WhatsApp
montesclaros.com - Ano 23 - terça-feira, 4 de outubro de 2022

Acaba ser anunciada a morte "pacificamente" da rainha da Inglaterra, Elizabeth II, aos 96 anos - 18 meses após a morte do marido. (Príncipe Charles, aos 73 anos, será declarado rei como Charles III, o mais velho a ser coroado)

Quinta 08/09/22 - 14h33

Acaba de ser anunciada a morte da rainha da Inglaterra:

A rainha Elizabeth II, do Reino Unido, morreu aos 96 anos, no Castelo de Balmoral, na Escócia.

Acaba de ser anunciada a morte da rainha da Inglaterra:

A rainha Elizabeth II, do Reino Unido, morreu aos 96 anos, no Castelo de Balmoral, na Escócia.

O herdeiro do trono, seu filho mais velho, o príncipe Charles, e sua esposa Camilla, estavam ao lado da rainha.

Os outros filhos da rainha – Andrew e Edward – além do neto, príncipe William, chegaram hoje à Escócia.

Os príncipes William e Harry e sua esposa Meghan Markle também viajaram para o local.

HERDEIRO

A informação da morte foi confirmada pelo Palácio de Buckingham na tarde desta quinta, já quase anoitecendo na Inglaterra.

A rainha faleceu no palácio de Balmoral, na Escócia, residência de férias onde estava desde 21 de julho passando o verão.

As condições de saúde de Elizabeth começaram a pior desde a morte de seu marido, o Príncipe Philip, em 2021.

Em outubro passado, a rainha passou uma noite hospitalizada para ser submetida a "exames" médicos que nunca foram detalhados.

A rainha reduziu consideravelmente sua agenda, com aparições públicas cada vez mais raras.

Caminhava devagar, sempre com o auxílio bengala.

Passou a delegar, cada vez mais, as funções oficiais ao príncipe Charles, de 73 anos, o herdeiro do trono.

LINHA

Com a morte da rainha, a linha sucessória agora é:

Príncipe Charles; príncipe William; príncipe George de Cambridge; princesa Charlotte de Cambridge; príncipe Louis de Cambridge; o duque de Sussex, príncipe Harry; mestre Archie Mountbatten-Windsor.

ÚLTIMO ATO

Na terça-feira, Elizabeth empossou a nova primeira-ministra no castelo em que faleceu, quebrando longo protocolo de só fazer a cerimônia em Londres.

A escolha teria sido feita porque ela tinha problemas de mobilidade.




***


Rainha Elizabeth II morre aos 96 anos na Escócia

Informação foi divulgada pela família real no Twitter

A Rainha Elizabeth II, monarca do Reino Unido da Grã-Bretanha e Irlanda do Norte, morreu hoje (8), aos 96 anos, no Castelo de Balmoral, na Escócia. A informação foi divulgada pela assessoria da família real britânica em suas redes sociais e em seu site oficial.

A mensagem publicada no Twitter diz que "a Rainha morreu tranquilamente em Balmoral nesta tarde. O Rei e a Rainha Consorte permanecerão em Balmoral nesta noite e retornarão a Londres amanhã".

A rainha nasceu em 21 de abril de 1926 e tornou-se herdeira aos 10 anos de idade, depois que seu tio Eduardo VIII abdicou do trono, passando a coroa para o irmão, Rei George VI, pai de Elizabeth. Aos 25 anos, com a morte de seu pai, em 6 de fevereiro de 1952, tornou-se regente. Em 2 de junho de 1953, aos 26 anos, foi coroada rainha do Reino Unido.

Casou-se em 1947, com o príncipe grego, o oficial da Marinha Philip Mountbatten, e tiveram quatro filhos: os príncipes Charles, Anne, Andrew e Edward. Charles, o mais velho, nascido em 1948, será coroado como próximo rei britânico.

Foi a rainha que serviu mais tempo como monarca em toda a história do Reino Unido. Segundo informações da família real, ela se envolveu, como patrona real ou presidente, com mais de 600 obras de caridade, associações militares, corporações profissionais e organizações de serviço público.

Além de servir como rainha do Reino Unido, foi chefe de Estado de outras 14 nações independentes: Austrália, Nova Zelândia, Canadá, Jamaica, Antígua e Barbuda, Bahamas, Belize, Granada, Papua Nova Guiné, Ilhas Salomão, São Vicente e Granadinas, São Cristóvão e Névis, Santa Lúcia e Tuvalu.

Em seu reinado, trabalhou com 15 primeiros-ministros, sendo o primeiro deles Winston Churchill e a mais recente Liz Truss, que assumiu o cargo há poucos dias. (Agência Brasil)

Compartilhe
Siga-nos nas redes sociais