Receba as notícias do montesclaros.com pelo WhatsApp
montesclaros.com - Ano 25 - domingo, 26 de maio de 2024

Bahia, onde agente federal ex-segurança de Lula foi morto, já lidera as estatísticas de mortes violentas no Brasil

Sábado 16/09/23 - 13h01

No dia 15 de setembro de 2023, a Polícia Civil confirmou a morte do quinto suspeito envolvido em um confronto que resultou na morte do policial federal Lucas Caribé Monteiro de Almeida, de 42 anos, em Salvador, e que atuou na segurança de Lula.

Os outros quatro homens que morreram no tiroteio são suspeitos de participar de uma facção criminosa.

O quinto suspeito foi localizado no bairro de Mirantes de Periperi, próximo ao bairro de Valéria, onde ocorreu o confronto na sexta-feira.

A polícia chegou ao local após receber uma denúncia anônima e tentou abordar o grupo, resultando em confronto armado.

O suspeito foi atingido, socorrido para o Hospital do Subúrbio, mas não resistiu aos ferimentos e faleceu.

Com ele, foram apreendidos uma submetralhadora calibre 9mm, carregador e munições.

O suspeito tinha antecedentes criminais por tráfico de drogas e porte ilegal de arma de fogo, sendo considerado um comparsa dos outros quatro homens mortos em Valéria.

Ele também fazia parte de um grupo criminoso.

A Bahia lidera as estatísticas de mortes violentas no primeiro trimestre de 2023, com 1.289 óbitos em casos de feminicídios, homicídios dolosos, latrocínios ou lesões corporais seguidas de morte, de acordo com o Monitor da Violência.

O confronto ocorreu durante uma operação em Valéria, uma área estratégica para o tráfico de drogas, que é frequentemente palco de conflitos entre facções criminosas locais e nacionais.

A Bahia enfrenta desafios significativos em relação à segurança pública, e a Polícia Federal está envolvida em operações na região desde agosto, como parte de um acordo de cooperação entre os governos estadual e federal para combater a criminalidade no estado.

Compartilhe
Siga-nos nas redes sociais