Receba as notícias do montesclaros.com pelo WhatsApp
montesclaros.com - Ano 25 - sábado, 15 de junho de 2024

Durante perseguição policial e tiroteio em M. Claros, dois homens morreram e um terceiro ficou gravemente ferido. Carro usado teria sido roubado em Grão Mogol e descaracterizado

Quarta 20/09/23 - 17h29



A Polícia Militar e três homens - tripulando carro roubado - trocaram tiros em M. Claros, nesta tarde, na região do Bairro Morada do Sol e avenida Vicente Guimaraes.

Dois dos 3 homens morreram.

O terceiro ficou gravemente ferido.

A ação foi acompanhada pelo helicóptero da PM, em voos rasantes.



A PM suspeitou do veículo a partir de irregularidades notadas na placa e na pintura e iniciou a perseguição.

O carro iniciou a fuga por ruas do Bairro Morada do Sol e bairros próximos.

Na avenida Vicente Guimarães, invadiu a contramão e os ocupantes atiraram contra os policiais, seguindo-se o tiroteio.


A polícia apreendeu 3 revólveres no carro roubado.



GRÃO MOGOL

Dois dos envolvidos são investigados por roubo do automóvel em Grão Mogol.

Um seria líder de organização criminosa suspeita de vários assaltos para roubo de cargas ao longo da BR-251.

Teria participado de tentativa de latrocínio, com tiros disparados contra motorista de caminhão alvo da quadrilha.



Quanto aos policiais envolvidos, a Polícia Militar informou que estão sendo tomadas as medidas necessárias pelas autoridades competentes da Polícia Judiciária Militar em relação ao caso.

***


Jornal Estado de Minas, de BH:

Assaltantes morrem em troca de tiros com a PM em Montes Claros

Três suspeitos foram baleados e dois deles morreram. Segundo a Polícia Militar, criminosos não obedeceram à ordem de parada e houve perseguição
Luiz Ribeiro


Dois criminosos morreram e um está em estado grave após troca de tiros com a Polícia Militar (PMMG) na Avenida Vicente Guimarães, entre os bairros Sagrada Família e Augusto Mota, em Montes Claros, no Norte de Minas, na tarde desta quarta-feira (20/9).

O ferido foi encaminhado para o pronto-socorro da Santa Casa de Montes Claros. Conforme os militares, os três homens estavam em um Celta que tinha sido roubado, na semana passada, às margens da BR 251, no município de Grao Mogol, na mesma região. Eles descaracterizaram o veículo, que era vermelho e foi pintado de preto, com uma pintura grosseira. Também teriam planejado outros crimes e foram descobertos.

Os criminosos foram abordados, inicialmente, próximo a uma concessionária de veículos, na Avenida Mestra Fininha, no Bairro Morada do Sol.

A Polícia Civil vai investigar o envolvimento de outras pessoas nos crimes.


***

Divulgação da PM:

A Polícia Militar de Minas Gerais, por meio de sua 11ª RPM, durante patrulhamento, na tarde dessa quarta-feira (20), deparou-se, na Rua Hélio Newton Pereira, Bairro Morada do Sol, em Montes Claros, com um veículo Celta, usando placa Mercosul, mas com alfanumérica de placa antiga, além de apresentar pintura estranha na cor preta e o teto na cor vermelha e com três ocupantes.

Diante de informações de um roubo em data pretérita, quando fora tomado de assalto um Celta, o Grupamento Especializado em Recobrimento (GER), da 11ª Cia PM Ind PE/11ª RPM iniciou o acompanhamento do veículo para proceder a abordagem. Ao perceber que estava sendo acompanhado, o veículo suspeito empreendeu fuga e um dos ocupantes passou a efetuar disparos de arma de fogo em direção à guarnição, vindo a atingir o pneu da viatura.

Neste momento, a fim de repelir a iminente e injusta agressão, os militares efetuaram disparos em direção ao carro.

O veículo suspeito, ao acessar a Av. Vicente Guimarães, invadiu a contramão de direção, enquanto os seus ocupantes continuavam a atirar.

O veículo perseguido diminuiu a velocidade, os militares desembarcaram e foram em direção a ele para realizar a abordagem.

Neste momento, foi visualizado que o seu condutor estava de arma em punho. Foi dada ordem para que ele largasse a arma e se entregasse, não sendo a ordem acatada, tendo os militares efetuado disparos de arma de fogo em direção aos ocupantes do veículo.

Em seguida, o motorista do carro desembarcou e caiu no chão.
Após os trabalhos periciais, a viatura foi removida para o quartel da 11ª Cia PM Ind PE.

Os três ocupantes do veículo foram identificados. Eles têm 19, 24 (motorista) e 31 anos.

Ambos foram alvejados durante a troca de tiros e, como encontravam-se com sinais vitais, foram prontamente socorridos pelos policiais militares. O de 24 anos e o de 31 anos foram levados para o Hospital Universitário Clemente de Faria. (O mais velho deu entrada sem vida na Unidade de Saúde). O outro ficou em atendimento e sob escolta policial. O jovem, de 19 anos, foi conduzido até o Hospital Santa Casa, onde o óbito foi constatado.

Um revólver calibre .38, com numeração suprimida, foi recolhido próximo ao abordado de 24 anos. Próximo ao de 19 anos, foi encontrado um revólver calibre .32. E, no banco da frente do veículo, ficou um revólver calibre .38, que foi apreendido pela perícia da Polícia Civil.

No local do fato, foi possível certificar que o veículo usado pelos autores tratava-se de um Chevrolet Celta, sendo a placa original do município de Francisco Sá, veículo este tomado de assalto. Foi constatado também que a maior parte do carro havia sido pintada com tinta spray na cor preta e que a letra “C” da placa havia sido adulterada com fita isolante para o número 0.

Durante os levantamentos, os militares identificaram um local frequentado pelo autor, de 24 anos, na Rua Imaculada Marques, Bairro Esplanada, em Montes Claros. Em contato com os moradores, eles autorizaram buscas no imóvel, e os policias localizaram objetos roubados no dia 16/09/2023.

O responsável pelo imóvel, de 24 anos, foi preso por receptação e conduzido à Delegacia. Em seguida, os policiais foram a um imóvel recentemente alugado pelo autor (de 24 anos, que estava no carro) e por comparsas na Rua George Washington, Bairro Santos Dumont, onde, após buscas, foi encontrada uma mochila contendo pertences e documentos pessoais dele e um telefone celular.

Após consulta, os militares constataram que o jovem, de 24 anos, e o homem, de 31 anos, têm passagens criminais e que o mais velho encontrava-se em prisão domiciliar, tendo sido colocado em liberdade em 02/09/2023.

A perícia da Polícia Civil realizou os trabalhos de praxe e recolheu no local da troca de tiros cápsulas de munições, além de um facão, um telefone celular e uma arma de fogo, revólver calibre .38, que se encontravam dentro do carro Celta.

As armas de fogo dos militares foram apreendidas e providências de Polícia Judiciária Militar pertinentes ao fato estão sendo adotadas.

Nenhum policial militar ficou ferido.

***

Jornal O Tempo, de BH:

Perseguição termina com suspeitos de roubos mortos em Montes Claros; veja vídeo

Dois homens, de 19 e 31 anos, morreram baleados; um outro suspeito, de 24 anos, foi socorrido em estado grave para o hospital

Rayllan Oliveira

Dois homens, de 19 e 31 anos, morreram baleados durante uma perseguição policial na tarde desta quarta-feira (20) em Montes Claros, no Norte de Minas. Um outro homem, de 24, ficou ferido e foi socorrido em estado grave para o hospital. O trio é suspeito de participar de uma série de roubos na região. Veja o vídeo.

De acordo com a Polícia Militar, a perseguição teve início após os suspeitos não obedecerem a uma ordem de parada. Eles estavam em um veículo, um Celta, que havia sido roubado na última semana, às margens da BR-262, no município de Grão Mogol. Os homens descaracterizaram esse carro, que era vermelho e foi pintado de preto. Conforme a polícia, eles planejavam realizar uma série de roubos na região com o veículo.

Durante a perseguição, um dos homens teria atirado contra a viatura. Os disparos acertaram um dos pneus, e os militares revidaram, atirando em direção ao carro em que eles estavam. Os disparos acertaram os três suspeitos. O jovem, de 19 anos, foi conduzido ao Hospital Santa Casa, mas não resistiu e morreu na unidade de saúde. O homem de 31 anos morreu a caminho do Hospital Universitário Clemente de Faria, onde o outro envolvido, de 24 anos, foi internado.

A perícia esteve no local do confronto e recolheu materiais que deverão ajudar nas investigações. Durante os trabalhos, os policiais tiveram informações de dois imóveis em que estariam armazenados materiais roubados pelo trio. Os militares foram até esses locais e apreenderam mochilas, celulares e outros objetivos. Um outro homem, de 24 anos, que seria responsável por alugar o espaço foi preso.

O caso agora é investigado pela Polícia Civil de Minas Gerais. A investigação busca identificar a participação de outras pessoas no esquema criminoso.

Compartilhe
Siga-nos nas redes sociais