Receba as notícias do montesclaros.com pelo WhatsApp
montesclaros.com - Ano 25 - segunda-feira, 26 de fevereiro de 2024

Crise por toda parte: agora é a empresa tailandesa proprietária do concurso Miss Universo que declara falência

Sábado 11/11/23 - 7h14

A empresa proprietária do Miss Universo, JKN Global Group, declarou falência dias antes do concurso, apesar de confirmar que o evento acontecerá na próxima semana.

A empresa tailandesa, que adquiriu a Organização Miss Universo por US$ 20 milhões em 2022, anunciou ter entrado com um pedido de "reabilitação corporativa" aceito pelo tribunal de falências da Tailândia.

A JKN assegurou que a experiência de alta qualidade para os fãs do Miss Universo continuará sendo uma prioridade na final do próximo sábado.

A empresa expressou confiança em novos acordos financeiros para sustentar todas as operações, incluindo o concurso.

Liderada por Anne Jakkaphong Jakrajutatip, defensora dos direitos dos transgêneros, a JKN planejava expandir a Organização Miss Universo para a Ásia e lançar produtos de marca.

O pedido de falência não indica necessariamente que a empresa esteja à beira da falência, podendo ser uma estratégia para aliviar dívidas.

A JKN, que financiou a compra do Miss Universo por meio de títulos, não cumpriu o prazo de pagamento de um empréstimo de cerca de US$ 12 milhões, com vencimento em 1º de setembro.


***


A partir de agora, as notícias enviadas através do WhatsApp serão atualizadas apenas pelo canal abaixo 👇🏻.

Inscreva-se tocando abaixo

Acesse aqui

Compartilhe
Siga-nos nas redes sociais