Receba as notícias do montesclaros.com pelo WhatsApp
montesclaros.com - Ano 23 - sábado, 2 de julho de 2022
 

Este espaço é para você aprimorar a notícia, completando-a.

Clique aqui para exibir os comentários


 

Os dados aqui preenchidos serão exibidos.
Todos os campos são obrigatórios

Mensagem: Pandemia nos Estados brasileiros Cálculos das variações percentuais dos números de mortes devidas à covid-19, entre 25/11 a 01/12 e 08 a 15/12, nos 26 Estados e Distrito Federal, do Brasil, revelaram que 22 Estados e o DF (85,2%) reduziram seus respectivos percentuais, 3 Estados (11,1%) aumentaram e 1 (3,7%) não reduziu, nem aumentou. As reduções variaram entre 4,0% (Pernambuco) e 100,0% (Acre). Os 3 aumentos foram 55,0% (Mato Grosso) e 25,0% (Roraima e Sergipe). O único Estado que não variou seu percentual foi Rondônia (0%). Reduções no Sudeste: Minas Gerais 7,0%, Rio de Janeiro 33,0% , São Paulo 42,0% e Espírito Santo 56,0%. 5 maiores números absolutos de mortes entre 8 e 15/12, em ordem decrescente: 1º São Paulo 304, 2º Minas Gerais 139, 3º Rio de Janeiro 109, 4º Rio Grande do Sul 69, 5º Bahia 51. Comparando as médias diárias de mortes nos 2 períodos acima citados, o Brasil passou de 225 para 151 mortes, com redução de 33,0%. Fonte: g1.com.br/coronavirus, 15/12/21, 7h17m. Manchetes: g1/JH, 14/12/21: ´Parlamento britânico discute novas medidas de restrição para conter variante Ômicron.´ g1.com.br/coronavirus, 14/12/21: ´Variante Ômicron está espalhando mais rápida do que as demais variantes, diz OMS.´ Na mensagem 85986, de 13/12/21, sobre a Covid-19 em Minas Gerais, retifico o primeiro período considerado no cálculo das variações percentuais dos números de mortes: ao invés de 29/11 a 6/12, na verdade é de 22 a 29/11. O segundo período permanece o mesmo: de 6 a 13/12. Afonso Cláudio de Souza Guimarães 15/12/21, 11h11m; ontem - São João da Cruz

Preencha os campos abaixo
Seu nome:
E-mail:
Cidade/UF: /
Comentário:

Trocar letras
Digite as letras que aparecem na imagem acima