Receba as notícias do montesclaros.com pelo WhatsApp
montesclaros.com - Ano 23 - quarta-feira, 6 de julho de 2022

(Confirmadas 7 mortes e 20 desaparecidos, antes das 18h). Estas cenas fortes - do enorme penhasco desabando sobre lanchas no lago de Furnas, em Minas - já correm o mundo. 3 lanchas foram atingidas, com cerca de 15 pessoas. Turistas, no local, podem chegar a 70. Bombeiros mencionaram "tromba d'água". Siga o que acontece

Sábado 08/01/22 - 13h49






Informação publicada originariamente no @montesclaroscom, no instagram


Clique aqui
para ir e seguir o @montesclaroscom no Instagram




As primeiras informações são de que:

- As primeiras informações são de que:

- Ao menos 3 lanchas foram atingidas por um penhasco que se desprendeu de cânions no município de Capitólio no sul de Minas, no lago da represa de Furnas.

- Até uma dezena de pessoas podem ter sido afetadas

- As imagens mostram o momento - dramático - em que o penhasco imenso se desgarra do maciço principal, cai e levanta uma grande onda.

- Capitólio, a 300 km de BH, transformou-se em importante ponto turístico em Minas, atraindo gente de toda parte

- Bombeiros das cidades vizinhas foram mobilizados para atender os feridos.

- Uma primeira notícia atribuída aos Bombeiros fala em 1 morte e 15 feridos

DIRETA

- Informação direta dos Bombeiros:
"Ocorrência em andamento na região do cânion em Capitólio, a princípio uma "tromba d´água”, junto com pedras atingiu 3 lanchas que estavam na região.
Sem informações de possíveis vítimas até o momento.
Guarnições de Passos e Piumhi em deslocamento para a região" - nota do major Rodrigo Paiva de Castro, comandante da 1ª Cia Independente.

SEGUNDA

- Uma segunda morte estaria para ser confirmada.

- Até 20 pessoas podem ter se ferido no súbito desabamento do penhasco.

- Até 70 pessoas estariam no local.

- Mergulhadores estão atuando nas buscas

- Há riscos de novos desabamentos:
“É possível que haja novos acidentes, porque a água das chuvas penetra nas rochas, que têm menor resistência à ação da água e de vento”.
- A região do Capitólio tem cânions naturais, águas tranquilas para navegação e diversão aquática, com muitos hotéis, pousadas e casas de veraneio.

BALANÇO



- Por volta das 16, Corpo de Bombeiros confirmou a morte de dois homens.

- Há confirmação de que 32 pessoas ficaram feridas; 23 com ferimentos leves:
“Os corpos não estão no IML, estão em um posto de comando que foi montado provisoriamente em um clube náutico da região.

Vinte e três vítimas foram atendidas e liberadas na Santa Casa de Capitólio.

Duas pessoas foram atendidas na Santa Casa de Piumhi, com fraturas expostas.

Três vítimas estão na Santa Casa de Passos, não há confirmação sobre o estado de saúde delas e quatro vítimas estão na Santa Casa de São João da Barra com ferimentos leves”.

Cerca de 40 militares do Corpo de Bombeiros estão atuando na ocorrência, inclusive com equipe de mergulhadores e o apoio do helicóptero Arcanjo.

Das três embarcações atingidas duas afundaram.

Os dois mortos ainda não foram identificados.


CENÁRIO

Pouco antes das 18h, o cenário era o seguinte:

- O acidente, por volta das 12h30m, causou já a morte de 5 pessoas.

- Todas foram encontradas no local e ninguém foi identificado.

- Os bombeiros estimam que 20 pessoas estejam desaparecidas.

- 23 pessoas foram atendidas e liberadas; 9 ainda seguem internadas

- 2 pessoas tiveram fraturas expostas e foram para a Santa Casa de Piumhi, a 23 km de Capitólio.

CONFIRMOU

O comandante-geral do Corpo de Bombeiros Militar confirmou a morte de cinco pessoas.

Compartilhe
Siga-nos nas redes sociais