Receba as notícias do montesclaros.com pelo WhatsApp
montesclaros.com - Ano 23 - terça-feira, 9 de agosto de 2022

Brasileira de 39 anos, atiradora de precisão e socorrista, também morre na guerra da Ucrânia. Agora, são 3 os mortos do Brasil em ação

Terça 05/07/22 - 6h40

Thalita do Valle, de 39, que lutava ao lado das tropas ucranianas, morreu na tarde de quinta-feira (30) durante bombardeio contra a a cidade de Kharkiv.

Parentes confirmaram que era atriz, modelo, estudante de Direito, ativista de causas animais, socorrista e atiradora de elite.

Atuou no resgate de fauna em Mariana (2015) e Brumadinho (2019), quando 2 barragens se romperam.

Tinha experiência em conflitos, além de ser socorrista, com cursos de tiro no Brasil.

Participou de missão contra o Estado Islâmico, no Iraque, Curdistão iraquiano e Curdistão Sírio há três anos, conforme registrou em seu canal no YouTube.

Um irmão disse que a especialidade dela era socorrista:

"A função primária é fazer o resgate. Mas também tem a função de fazer a proteção, dando cobertura para quem está avançando, como atiradora de precisão".


Agora são três casos de brasileiros mortos na guerra da Ucrânia.

Compartilhe
Siga-nos nas redes sociais