Receba as notícias do montesclaros.com pelo WhatsApp
montesclaros.com - Ano 25 - segunda-feira, 26 de fevereiro de 2024

Jornal de BH descreve caso de homem que usou o horário de almoço, em M. Claros, "para furtar joalheria e pagar agiota". Ele correu pelas ruas, com corrente de ouro no pescoço

Quinta 26/10/23 - 8h45

Jornal O Tempo, de BH:

Homem usa horário de almoço para furtar joalheria e pagar agiota em MG

Suspeito foi preso ao retornar para o trabalho após o crime
Lucas Gomes

Um homem de 32 anos usou o horário de almoço em um supermercado para furtar uma joalheria em Montes Claros, no Norte de Minas.

Ele se passou por cliente, experimentou uma corrente de ouro avaliada em R$ 2.500 e saiu correndo com o acessório no pescoço.

Ao chegar na rua Filomeno Ribeiro, o homem embarcou em uma moto e não foi alcançado pelas testemunhas.

Após a análise de câmeras de segurança, a PM identificou o suspeito como funcionário terceirizado de um supermercado na região.

O suspeito foi preso no local de trabalho após retornar do horário de almoço. Com ele, nenhum objeto foi encontrado. Aos militares, o homem confessou o crime e disse que furtou porque “estava passando por uns problemas”.

Questionado sobre a corrente, o homem disse que abordou um mototaxista para o levar até a casa de um agiota. Ele tentou passar a corrente para o homem, que estava lhe cobrando, mas não teve negócio porque o agiota não tinha balança para pesar a corrente.

Após o ocorrido, o mototaxista sugeriu que o homem lhe desse a corrente para que ele oferecesse o objeto a uma terceira pessoa. O mototaxista ficou com a corrente e levou o suspeito de volta para o trabalho, já que o horário de almoço estava acabando.

***


A partir de agora, as notícias enviadas através do WhatsApp serão atualizadas apenas pelo canal abaixo 👇🏻.

Inscreva-se tocando abaixo

Acesse aqui Acesse o link do

Compartilhe
Siga-nos nas redes sociais