Receba as notícias do montesclaros.com pelo WhatsApp
montesclaros.com - Ano 25 - quarta-feira, 19 de junho de 2024

Roberto Jefferson prestou depoimento e se disse arrependido de ter atirado contra policiais

Sábado 27/05/23 - 6h48

O ex-deputado federal Roberto Jefferson admitiu ter atirado cerca de 50 vezes e arremessado três granadas de luz e som contra os quatro policiais federais que foram prendê-lo.

No entanto, ele afirmou que não teve a intenção de matá-los.

Dois agentes da PF sofreram ferimentos leves durante o incidente.

Jefferson declarou estar arrependido do que fez e pediu desculpas aos policiais.

Ele foi interrogado na Justiça Federal de Três Rios e enfrenta acusações de tentativa de homicídio, resistência qualificada e posse ilegal de arma e granadas adulteradas.

Jefferson alegou estar sendo perseguido pelo ministro Alexandre de Moraes, do STF, e disse que sua intenção era resistir à ordem de prisão.

Ele explicou que adquiriu as granadas para se defender de hostilidades que sofria desde o escândalo do mensalão, adicionando pregos em uma delas como medida de segurança.

Houve também relatos de que a cena do crime foi alterada antes da perícia, o que pode afetar a validade do laudo.

Compartilhe
Siga-nos nas redes sociais