Receba as notícias do montesclaros.com pelo WhatsApp
montesclaros.com - Ano 25 - sexta-feira, 12 de julho de 2024

O filho estava presente, e a tudo assistiu, no Rio de S. Francisco: "...o senhor (...) pulou da popa do barco para nadar no rio e, após dois mergulhos, não retornou à superfície; o fato ocorreu por volta das 11h")

Terça 21/11/23 - 12h27

Divulgação do Corpo de Bombeiros:

Na tarde de hoje, 20/11/2023, o 8º Pelotão de Bombeiros Militar em Januária recebeu uma solicitação de uma ocorrencia com vítima de afogamento no rio São Francisco, na margem oposta à conhecida prainha da cidade.

De acordo com testemunhas presentes no momento do incidente, que incluem o filho da vítima e um amigo, o senhor A.C.P. pulou da popa do barco para nadar no rio e, após dois mergulhos, não retornou à superfície, o fato ocorreu por volta das 11h.

Uma equipe de busca foi enviada ao local para realizar o resgate.

Utilizando técnicas de mergulho, a equipe fez buscas no último local em que a vítima foi avistada e, após varreduras, o corpo foi encontrado a uma profundidade de aproximadamente 3m.

A perícia foi acionada para realizar os procedimentos necessários, e o corpo foi liberado para a funerária e encaminhado ao Instituto Médico Legal (IML).

O Corpo de Bombeiros faz um alerta para que as pessoas evitem entrar em rios, lagoas ou piscinas se não tiverem habilidades de natação adequadas.

Caso nadem, devem manter-se próximas à margem e evitar águas escuras ou de profundidade desconhecida.

Em caso de emergência envolvendo vítimas de afogamento, ligue para o número 193, o Amigo Certo nas Horas Incertas.

***

Jornal O Tempo, de BH:

Idoso morre afogado no rio São Francisco em Januária

Homem de 63 anos fez desapareceu após dois mergulhos
Bruno Daniel

Um idoso de 63 anos morreu afogado no rio São Francisco, em Januária, no norte de Minas Gerais. O caso foi registrado na manhã da última segunda-feira (20 de novembro) e confirmado pelo Corpo de Bombeiros nesta terça-feira (21). O corpo já está no Instituto Médico Legal (IML).

Segundo os Bombeiros, militares de Januária foram acionados por volta de 11h, para uma ocorrência de afogamento no lado oposto à prainha da cidade. O filho e um amigo da vítima afirmaram que o senhor pulou do barco para nadar e, após dois mergulhos, não voltou à superfície.

Com técnicas de salvamento, os Bombeiros fizeram varreduras no último lugar onde a vítima foi vista pela última vez e localizaram o corpo, que estava há três metros de profundidade. A perícia foi acionada ao local para os procedimentos de análise.

Em nota, o Corpo de Bombeiros recomendou que as pessoas não entrem em rios, lagoas ou piscinas se não souberem nadar. “Caso nadem, devem manter-se próximas à margem e evitar águas escuras ou de profundidade desconhecida. Em caso de emergência envolvendo vítimas de afogamento, ligue para o número 193”, diz a corporação.



***

A partir de agora, as notícias enviadas através do WhatsApp serão atualizadas apenas pelo canal abaixo 👇🏻.

Inscreva-se tocando abaixo

Acesse aqui

Compartilhe
Siga-nos nas redes sociais