Receba as notícias do montesclaros.com pelo WhatsApp
montesclaros.com - Ano 21 - sábado, 28 de novembro de 2020

"Tive a infelicidade de tomar a decisão mais irracional da minha vida”, alega senador ao pedir licença (por 90 e, depois, por 121 dias); afastamento foi suspenso

Terça 20/10/20 - 10h08

O senador Chico Rodrigues (foto), apanhado com dinheiro na cueca, apresentou pedido de afastamento do mandato no Senado por 90 dias.
LÍCITOS
O senador disse no pedido que os valores encontrados com ele, na operação da Polícia Federal, são “manifestamente lícitos”.
FILHO
E anexou documentos de que os valores, cerca de R$ 100 mil no total, eram destinados ao pagamento de funcionários de empresa registrada em nome do filho, que mora com ele.
IRRACIONAL
E completou:
- A verdade é que, num ato impulsivo, acordado pela Polícia de pijama, assustado com a presença de estranhos em meu quarto, tive a infelicidade de tomar a decisão mais irracional da minha vida”.
(121
Mais tarde, o senador retificou o afastamento, de 90 para 121 dias: o novo prazo permitirá que o filho assuma seu lugar).
SUSPENDEU
O ministro Barroso suspendeu os efeitos da decisão que determinava o afastamento do senador Chico Rodrigues.
DETERMINA
A decisão saiu após Barroso ser comunicado do pedido de licença, pelo prazo de 121 dias, apresentado pelo senador. O regimento do Senado determina o cumprimento do prazo.