Receba as notícias do montesclaros.com pelo WhatsApp
montesclaros.com - Ano 22 - quinta-feira, 16 de setembro de 2021

Em poucas horas, arvoredo e lago do Parque Municipal livram-se da pesada rede elétrica - de 138 KV - que a todos amedrontou por 50 anos

Sexta 30/07/21 - 9h54

O Parque Municipal de M. Claros levou mais de meio-século para libertar-se de uma pesada rede elétrica que passava sobre o lago e sobre o arvoredo.

Na verdade, a rede de 138 KV estava lá desde quando o prefeito Toninho Rebello conseguiu a doação da área de bosques naturais para a construção de um parque, naquela época razoavelmente distante do casario urbano.

Ontem, enfim, a Cemig retirou os cabos de energia e começou a desmontar as pesadas torres de sustentação que, por 50 anos, amedrontavam o arvoredo e até os patinhos de borracha do espelho dágua.

A operação foi rápida, começou cedo e já por volta das 17h as pessoas voltaram a circular pelo Parque.

Na época de sua construção, na segunda metade dos anos 60, o prefeito Toninho Rebello ouviu que aquela seria a sua obra de maior alcance no futuro, mas ele chegou a duvidar.


Hoje, muitos reconhecem que o Parque caminha para ser o equivalente ao Central Park em Nova Iorque e ao Hyde Park de Londres, com a diferença de que estes são mais centrais.

O Parque consolidou-se como cartão de apresentação de M. Claros, livrando-se de barulhos ocasionais que se transformaram em suplício para a vizinhança, e em desassossego para o arvoredo e mini-zoológico que por lá funcionou, até ser desativado para alívio dos animais cativos.

Compartilhe
Siga-nos nas redes sociais