Receba as notcias do montesclaros.com pelo WhatsApp
montesclaros.com - Ano 23 - tera-feira, 30 de maio de 2023

IBGE divulga que taxa de desemprego no Brasil aumentou no primeiro trimestre - de 7,9 para 8,8%

Quinta 18/05/23 - 10h18

No primeiro trimestre de 2023, a taxa de desemprego no Brasil subiu para 8,8%, um aumento de 0,9 ponto percentual em relao ao trimestre anterior, que foi de 7,9%.

Em comparao com o mesmo perodo do ano passado, houve uma queda de 2,4 pontos percentuais.

Os dados so da Pesquisa Nacional por Amostra de Domiclios Contnua (Pnad Contnua) trimestral, divulgada pelo Instituto Brasileiro de Geografia e Estatstica (IBGE).

A taxa de desemprego aumentou em 16 das 27 Unidades da Federao em relao ao trimestre anterior, mantendo-se estvel nas outras 11.

As maiores taxas de desemprego foram registradas na Bahia (14,4%), Pernambuco (14,1%) e Amap (12,2%), enquanto as menores foram em Rondnia (3,2%), Santa Catarina (3,8%) e Mato Grosso (4,5%).

A taxa de desemprego entre os homens foi de 7,2%, enquanto entre as mulheres foi de 10,8%. Em relao cor ou raa, a taxa de desemprego ficou abaixo da mdia nacional para os brancos (6,8%) e acima para os pretos (11,3%) e pardos (10,1%).

A taxa de desemprego foi maior para as pessoas com ensino mdio incompleto (15,2%), enquanto para aqueles com nvel superior incompleto foi de 9,2%, mais que o dobro da taxa para aqueles com nvel superior completo (4,5%).

A taxa composta de subutilizao da fora de trabalho, que inclui pessoas desocupadas, subocupadas por insuficincia de horas trabalhadas e na fora de trabalho potencial em relao fora de trabalho ampliada, foi de 18,9% no primeiro trimestre de 2023.

Quanto ao rendimento, o valor mdio mensal ficou em R$ 2.880, mantendo-se estvel em comparao ao trimestre anterior, mas registrando um aumento em relao ao mesmo trimestre do ano passado. A massa de rendimento tambm apresentou crescimento em relao ao mesmo perodo de 2022.

Compartilhe
Siga-nos nas redes sociais