Receba as notícias do montesclaros.com pelo WhatsApp
montesclaros.com - Ano 22 - quinta-feira, 16 de setembro de 2021

Ir para data:


Efemérides - Nelson Vianna   
68886
Por Efemérides - Nelson Vianna - 16/9/2011 07:21:06
(Durante anos, o escritor e agrimensor Nelson Vianna, nascido em Curvelo e apaixonado por M. Claros, desde que aqui chegou, pesquisou a história da cidade. Foi a arquivos, jornais, revistas e livros, entrevistou pessoas, vasculhou correspondências – enfim, buscou em toda parte fontes que permitissem levantar a história do município de M. Claros. Conseguiu. Processou sua longa procura e publicou "Efemérides Montesclarenses", que cobrem o período de 1707 a 1962, revelando o que - neste período - aconteceu de mais importantes no cotidiano de nossas vidas. Nelson Vianna, apaixonado por M. Claros, reconhecido ao historiador Hermes de Paula, mais novo do que ele, mas seu auxiliar no trabalho, prestou - prestaram os dois, é preciso gritar isto - uma das mais notáveis contribuições à civilização dita montesclarina. Morreu sem ostentar riqueza material, mas o seu legado espiritual cresce a cada dia, embora ainda não seja suficientemente reverenciado. O tempo, sempre ele, também fará esta reparação. Republicar a resenha histórica pacientemente ajuntada pode ser um começo. Pelo calendário do dia, sairá publicado aqui, desde este 12 de janeiro de 2011, o que ele conseguiu desvendar no vasto tempo de 255 anos - entre 1707 e 1962, de uma Montes Claros nascente, criança e juvenil. Ajudará a cidade a se localizar. Talvez, a se achar. E haverá sempre um preito de gratidão a estes dois - Nelson Vianna e Hermes de Paula, e a muitos outros que, no silêncio, onde Deus fala aos Homens, recolhem o aplauso geral):

16 de setembro

1835 – Apresentado diploma datado de 8 de abril de 1835, Tomás da Conceição Araújo presta juramento e toma posse do cargo de Delegado do 7º Círculo Literário, em substituição a José Pinheiro Neves.
— Na mesma data Lourenço Vieira de Azeredo Coutinho é empossado no cargo de Inspetor de Estradas. Vicente José de Figueiredo toma posse do cargo de professor interino da Escola Primária, reaberta pelo Governo. A referida Escola havia sido suspensa em 1834, devido a uma representação feita pela Câmara Municipal de Montes Claros de Formigas ao Govêrno, comunicando ser o então professor Luiz Josê de Azevedo “seu, aptidão e desleixado”, motivo pelo qual foi demitido.
1940 - Ocorrem, com brilhantismo, na cidade de Montes Claros as comemorações do centenário do nascimento do dr. Antônio Gonçalves Chaves. Às 5 horas, realizou-se a alvorada, com a tradicional banda de música Euterpe Montesclarense percorrendo as ruas da cidade, executando várias peças. As 8 horas, na praça Dr.Chaves, em frente a Igreja Matriz, no altar ali erigido, foi celebrada a missa pelo cônego Marcos Van In, com assistência de Dom João Antônio Pimenta, Bispo da Diocese. Compareceram ao ato, incorporados, o Tiro de Guerra local, o Batalhão de Escoteiros, o Ginásio Municipal de Montes Claros, Instituto Norte Mineiro de Educação, Instituto Dom Bosco, associações religiosas esportivas, e grande número de pessoas de tôdas as classes sociais. Em seguida, foi hasteado o Pavilhão Nacional no edificio da Prefeitura Municipal, tendo o Tiro de Guerra prestado as continências do estilo. Deu-se, logo depois, o lancamento da pedra fundamental da herma que será erguida ao grande montesclarense, em frente da casa onde nasceu, tendo discursado na ocasião a dra. Lourdes Pimenta, respondendo dr. Domingos Chaves, em nome da família Formouse, em seguida, extenso cortejo que, des filand pelas ruas da cidade, se dirigiu ao Grupo Escolar Gonçalves Chaves onde, no salão nobre do educandário foi apôsto o retrato do homenageado, falando, na ocasião, o prof. José Raymundo Neto e agradecendo em nome da familia, o dr. Rodolfo Jacob.
Às 15 horas, no salão nobre do Fórum local, é igualmente inaugurado o retrato do dr. Gonçalves Chaves, tendo sido a sessão presidida pelo dr José Tupiniquin Horta Drumnond, Juiz de direito da Comarca. Falaram, na ocasião, os drs. João Gomes Leite e João Luiz de Almeida, advogados no fôro local.
Participaram das homenagens várias representações do Govêrno e particulares.
— Pelo decreto n.° 134 da Câmara Municipal de Montes Claros, fica o dia 16 de setembro de 1940 considerado feriado municipal.
1960 - Falece Joaquim Alves Meira. Nasceu em Brumado, Estado da Bahia, e foi comerciante, por muitos anos, em Bocaiuva. Era fazendeiro no municipio de Montes Claros e casado com dona Maria da Conceição Meira.
1962 — Realiza-se a eleição da nova Diretoria do Orbis Clube de Montes Claros, sendo eleito Presidente Aristótetes Mendes.




Selecione o Cronista abaixo:
Avay Miranda
Iara Tribuzi
Iara Tribuzzi
Manoel Hygino
Afonso Cláudio
Alberto Sena
Augusto Vieira
Avay Miranda
Carmen Netto
Dário Cotrim
Dário Teixeira Cotrim
Davidson Caldeira
Edes Barbosa
Efemérides - Nelson Vianna
Enoque Alves
Flavio Pinto
Genival Tourinho
Gustavo Mameluque
Haroldo Lívio
Haroldo Santos
Haroldo Tourinho Filho
Hoje em Dia
Iara Tribuzzi
Isaías
Isaias Caldeira
Ivana Rebello
João Carlos Sobreira
Jorge Silveira
José Ponciano Neto
José Prates
Luiz Cunha Ortiga
Luiz de Paula
Manoel Hygino
Marcelo Eduardo Freitas
Marden Carvalho
Maria Luiza Silveira Teles
Maria Ribeiro Pires
Mário Genival Tourinho
Oswaldo Antunes
Paulo Braga
Paulo Narciso
Petronio Braz
Raphael Reys
Raquel Chaves
Roberto Elísio
Ruth Tupinambá
Saulo
Ucho Ribeiro
Virginia de Paula
Waldyr Senna
Walter Abreu
Wanderlino Arruda
Web - Chorografia
Web Outros
Yvonne Silveira