Receba as notícias do montesclaros.com pelo WhatsApp
montesclaros.com - Ano 25 - quinta-feira, 30 de maio de 2024

Ministro Alexandre, do STF, proíbe e define multa de 20 mil reais, ao dia, se Bolsonaro e antigos comandantes participarem de cerimônias militares

Sábado 09/03/24 - 6h47

O ministro Alexandre de Moraes, do STF, assinou medida cautelar proibindo investigados de suposta tentativa de golpe de Estado de participar de cerimônias militares, incluindo as realizadas no Ministério da Defesa e nas forças armadas.

A nova restrição se junta a outras já impostas no inquérito.

A decisão afeta o ex-presidente Bolsonaro e outros militares, além de civis como o presidente do PL, Valdemar Costa Neto, e o ex-ministro da Justiça Anderson Torres.

Ao todo, 22 investigados estão sujeitos à proibição.

Medidas anteriores incluem a proibição de contato entre investigados, suspensão de funções públicas, impedimento de saída do Brasil e prisão.

Em caso de descumprimento, o ministro Moraes estabeleceu uma multa diária de R$ 20 mil.

A decisão foi comunicada aos investigados e autoridades relevantes, incluindo o ministro da Defesa e os comandantes das forças armadas e das Polícias Militares em todo o país.

***

✅ Clique para seguir o canal da 98FM/montesclaros.com no WhatsApp👇🏻
Acesse aqui

Compartilhe
Siga-nos nas redes sociais