Receba as notícias do montesclaros.com pelo WhatsApp
montesclaros.com - Ano 23 - sábado, 21 de maio de 2022

Brasília trabalha com a informação de que Bolsonaro não comparecerá a depoimento ordenado pelo ministro Moraes, do STF, às 14h de hoje (confirmado). E a AGU apresentou novo recurso, negado pelo ministro

Sexta 28/01/22 - 13h18

Brasília admite que o presidente Bolsonaro não comparecerá a depoimento determinado pelo ministro Moraes, do STF, às 14h de hoje, na Polícia Federal

O presidente, mais cedo, reuniu-se no Palácio do Planalto com o ministro da Justiça, Anderson Torres, e com o advogado-geral da União, Bruno Bianco, para examinar escolhas.

O presidente teria avisado ao círculo próximo que não iria comparecer, citando decisões do STF, inclusive de 2018, que tratam da condução coercitiva.

O STF a definiu como inconstitucional, por ferir o direito do investigado de ficar em silêncio e não produzir provas contra si próprio.

Novo pedido seria feito para o presidente prestar esclarecimentos por escrito, o que só seria despachado na semana que vem.

A AGU então ingressou com recurso, alegando que o presidente tem “direito de ausência”.

Minutos depois, em Brasília, foi divulgado: o ministro Moraes não reconheceu o agravo feito pela AGU e manteve o depoimento de Bolsonaro na sede da Polícia Federal.

Compartilhe
Siga-nos nas redes sociais