Receba as notícias do montesclaros.com pelo WhatsApp
montesclaros.com - Ano 23 - quinta-feira, 30 de junho de 2022

"A Igrejinha dos Morrinhos, buscada de longe, até finalmente se aproximar. (...) Não há em M. Claros lugar potencialmente mais romântico do que este"

Sexta 17/06/22 - 11h04




Notícia publicada originariamente, com imagens, no @montesclaroscom - Clique aqui para ir e seguir o @montesclaroscom no Instagram


A IGREJINHA DOS MORRINHOS, BUSCADA DE LONGE, ATÉ FINALMENTE SE APROXIMAR

Buscada pelas lentes, de longe, a diminuta e centenária Igrejinha dos Morrinhos é só uma silhueta, quase miragem.

Erguida no Outeiro dos Morrinhos, que a população desde sempre chama de Morrinhos, embora seja 1 só morrinho, a ermida tem bela história.

Um palhaço de circo fugiu com moça da cidade.

A mãe Germana prontamente fez promessa.

Se a filha voltasse com o palhaço de circo, ergueria ali uma capelinha ao Senhor do Bonfim.

O casal voltou, a história teve final feliz, a capela está lá, desde 1885, e é lugar romântico e histórico da cidade.

Lá o menino Darcy Ribeiro deitou azul de metileno na água da caixa dágua, e a água das poucas torneiras correu azul por uma longa tarde... ele contou em detalhes, divertido.

Depois do exílio, que chamava de desterro, ia sempre ali, reunir-se e contar histórias do menino dos anos 20, 1920.

Hoje, os Morrinhos ocupam o centro geográfico da cidade e hospedam as principais emissoras de rádio FM de Montes Claros, além das principais torres de telefonia celular e a geradora local da TV Globo.

A caixa dágua segue lá, esperando a prometida transformação em cartão postal de toda a Copasa de Minas - como definido em projeto.

E a capelinha, terna e doce, eterna na memória de gerações, recebeu do poeta Joao Chaves algumas de suas melhores páginas, e também algumas das modinhas que o Brasil canta.

Não há em M. Claros lugar potencialmente mais romântico do que este.

Compartilhe
Siga-nos nas redes sociais