Receba as notícias do montesclaros.com pelo WhatsApp
montesclaros.com - Ano 23 - segunda-feira, 30 de janeiro de 2023

Anunciada a redução no preço da gasolina de R$ 3,28 para R$ 3,08, a partir de amanhã, quarta-feira. Diesel também terá queda

Terça 06/12/22 - 13h47

A Petrobras anunciou pouco a redução nos preços da gasolina e do diesel vendidos às refinarias:

- O preço médio de venda da gasolina A para as distribuidoras passará de R$ 3,28 para R$ 3,08 por litro.

- Significa redução de R$ 0,20 por litro (6,1%).

O diesel A passará de R$ 4,89 para R$ 4,49.

- A redução é de R$ 0,40 por litro (8,2%).

Os novos valores entram em vigor a partir de quarta-feira (7/12).


***

Petrobras reduz preços da gasolina e do diesel para as distribuidoras

Gasolina passará de R$ 3,28 para R$ 3,08 o litro

A Petrobras anunciou hoje (6), no Rio de Janeiro, que os preços médios de venda do diesel A e da gasolina A para as distribuidoras será reduzido a partir de amanhã (7).

Para a gasolina A, o preço médio de venda da Petrobras para as distribuidoras passará de R$ 3,28 para R$ 3,08 o litro, com diminuição de R$ 0,20 por litro, equivalente a cerca de 6,1%.

Com o ajuste, a parcela da Petrobras no preço final deve ser de R$ 2,25 por litro, em média, já que o produto final vendido nos postos tem uma mistura obrigatória de 73% de gasolina A e 27% de etanol anidro.

Já o ajuste do diesel A vendido pela estatal às distribuidoras cairá de R$ 4,89 para R$ 4,49 por litro, uma redução de cerca de 8,2% ou R$ 0,40 por litro.

Parcela
A Petrobras calculou que, considerando a mistura obrigatória de 90% de diesel A e 10% de biodiesel antes da venda ao consumidor final, a parcela da estatal no preço ao consumidor será, em média, R$ 4,04 a cada litro vendido na bomba.

A empresa petrolífera afirmou, ainda, que as reduções anunciadas hoje acompanham a evolução dos preços de referência, sendo coerentes com a sua prática de preços. O preço da gasolina não era alterado pela Petrobras desde 2 de setembro. O do diesel permanecia inalterado desde 20 de setembro.

(Vinicius Lisboa - Agência Brasil)

Compartilhe
Siga-nos nas redes sociais