Receba as notícias do montesclaros.com pelo WhatsApp
montesclaros.com - Ano 22 - domingo, 9 de maio de 2021

PM, sobre o autor: "...foi localizado num bar, armado com uma faca e um canivete, jogando sinuca, e confessou que..."

Quinta 15/04/21 - 10h56


Divulgação da PM:


ENGENHEIRO NAVARRO - A Polícia Militar, nessa quarta-feira (14), por volta das 13h40min, compareceu em uma casa na rua Presidente Vargas, bairro Douradinha, onde segundo moradores das imediações, exalava um forte odor (mau cheiro). No local, a equipe policial chamou o morador da residência, contudo sem resposta, sendo necessário pular o muro para averiguação. Com a porta da frente da residência aberta o mau cheiro intensificava até um quarto, sendo observadas muitas manchas de sangue e muitas moscas, e foi encontrada uma mala grande fechada (com volume) e um saco plástico de cor preta (também com volume). O local foi isolado e acionado o perito de plantão, que compareceu juntamente com o Delegado de Polícia da Comarca. O perito abriu a mala e localizou um corpo humano do sexo feminino, esquartejado. O corpo da vítima foi encaminhado para o IML de Montes Claros, através da Funerária Rosa. Durante rastreamento o autor Carlos Roberto foi localizado num bar, armado com uma faca e um canivete, jogando sinuca, e confessou que esteve com a vítima Cíntia Thais na noite de quinta-feira (08/04) e que esta teria saído num carro de cor branca, e que por volta das 04 horas da manhã a vítima retornou e o teria chamado em sua casa; que a deixou entrar e ela aparentava estar drogada, e que fizeram uso de várias substâncias entorpecentes; que a vítima começou a convulsionar, se debatendo e batendo a cabeça, e observou que saía sangue pelo nariz e percebeu que a vítima havia morrido; e que não pensou em chamar a polícia ou pedir socorro médico por receio de ser preso por homicídio. Ainda conforme o autor colocou colchões sobre o corpo da vítima e passou os dias bebendo e andando pelas ruas, evitando ficar em casa; que na manhã da terça-feira, dia 13/04, decidiu esquartejar a vítima e colo car em uma mala e em sacos plásticos, para consumir com o corpo. Foi verificado que no dia 11/04/21, consta um REDS 2021-017648050-001 de desaparecimento da vítima, mulher de 21 anos, o qual consta em histórico que foi vista pela última vez com o autor Carlos Roberto. Após os trabalhos de praxe, o perito liberou o corpo da vítima para o IML através da funerária Rosa. Durante as diligências foi arrecadado um aparelho de telefone celular que o autor havia vendido para terceiros após o cometimento do crime. O autor, homem de 34 anos, foi preso e entregue na DP.

Compartilhe
Siga-nos nas redes sociais