Receba as notícias do montesclaros.com pelo WhatsApp
montesclaros.com - Ano 22 - terça-feira, 22 de junho de 2021

Jornal de BH: "... o Anel Rodoviário Leste terá um trecho de 2,8 quilômetros, que vai partir da BR-135 (...), passando próximo ao atual “Clube do DEER-MG”, (...), até alcançar o Anel Rodoviário Norte, perto do trevo da estrada de Juramento e via de acesso ao quartel"

Sábado 29/05/21 - 7h22

Jornal Estado de Minas, de BH:


Montes Claros vai receber Anel Rodoviário Norte, prometido há 30 anos

Obra será realizada por concessionária de rodovia, em acordo inédito com governos do estado e do município

Luiz Ribeiro

Montes Claros, no Norte de Minas, receberá, finalmente, uma obra prometida e aguardada pela população há mais de 30 anos: o Anel Rodoviário Norte, ligando a BR-251 (saída para Francisco Sá) à BR-135 (saída para Januária). Também será construída uma outra via no entorno da cidade, o Anel Rodoviário Leste.

Os serviços foram viabilizados a partir de acordo inédito entre a Prefeitura de Montes Claros, o Estado e empresa ECO 135, concessionária do trecho da BR-135 entre o município e Belo Horizonte.

De acordo com o prefeito da cidade, Humberto Souto (Cidadania), as obras serão bancadas pela concessionária da BR-135. Os custos ainda não foram levantados, mas, os serviços dos dois trechos (Anel Rodoviário Norte e Anel Rodoviário Leste) estão estimados em pelo menos R$ 130 milhões.

A informação é do vice-prefeito de Montes Claros, o engenheiro Guilherme Guimarães, um dos responsáveis pelo encaminhamento da proposta das obras ao Executivo estadual.

Conforme Guimarães, o Governo de Minas vai assinar um aditivo no contrato com a ECO 135, prevendo os serviços no entorno rodoviário de Montes Claros. Pelo acordo, além de bancar, a concessionária vai fazer a contratação direta dos serviços.

Ainda segundo o vice-prefeito, as conversas entre o município e o governo do estado foram iniciadas há seis meses – na gestão municipal anterior, quando Guimarães era secretário municipal de Infraestrutura.

Diminuição do risco de acidentes

Os 8,8 quilômetros do Anel Rodoviário Norte vão evitar que veículos com acesso a Januária tenham que passar pelo perímetro urbano.

Já o Anel Rodoviário Leste terá um trecho de 2,8 quilômetros, que vai partir da BR-135 (saída para Bocaiúva), passando próximo ao atual “Clube do DEER-MG”, margeando a área do 55º Batalhão de Infantaria (BI) do Exército, até alcançar o Anel Rodoviário Norte, perto do trevo da estrada de Juramento e via de acesso ao quartel.

Ele vai tirar o tráfego pesado de caminhões e carretas do trecho do trecho atual do entorno rodoviário que passa dentro da cidade, entre os bairros Alto Boa Vista, Vila Sion e Santo Antônio. Com isso, vai reduzir os riscos de acidentes.

“A grande vantagem será a segurança para as pessoas desses bairros residenciais, principalmente porque naquela região da cidade existem equipamentos de saúde e educação dois lados do Anel Rodoviário, obrigando as pessoas atravessarem a pista movimentada”, afirma o prefeito Humberto Souto.

O vice-prefeito Guillherme Guimarães explica que o projeto prevê também a construção de um grande viaduto na rotatória da chegada da BR a Montes Claros.

O viaduto terá várias alças laterais, garantindo maior fluidez no trânsito.



Também está previsto um elevado sobre a linha férrea, próximo ao 55º Batalhão de Infantaria do Exército.


“A Secretaria de Meio Ambiente do Município fará a análise do licenciamento dentro dos critérios estabelecidos pela legislação em vigor, tanto estadual como a municipal”, assegura o vice-prefeito.

Obras no Anel Rodoviário

Estão em andamento serviços de pavimentação das vias laterais do Anel Rodoviário Sul de Montes Claros, que liga a BR-365 à BR-135, ao longo de 4,6 quilômetros, passando pelos bairros Mangues, Residencial Sul, Park Sul, Alterosa, Santa Rafaela e Santo Amaro.

As obras, no valor de R$ 16,2 milhões, foram realizadas pelo governo estadual, com recursos do Banco Nacional de Desenvolvimento Econômico e Social (BNDES).

Compartilhe
Siga-nos nas redes sociais