Um olhar sobre o que é notícia em toda parte
Uma janela para Montes Claros
(38) 3229-9800
 
Conheça-nos
Principal
Mural
Eu te procuro
Clamor & Broncas
Músicas de M. Claros
Hoje na história
 de M. Claros
Montes Claros
 era assim...
História
Memorial de
 João Chaves
Memorial de
 Fialho Pacheco
Reportagens
Concursos
Colunistas Convidados
Notícias por e-mail
Notícias no seu site
Fale conosco
 
Anuncie na 98 FM
Ouça e veja a 98 FM
Conheça a 98 FM
Peça sua música
Fale com a Rádio
Seja repórter da 98
Previsão do tempo
 
Anuncie na 93 FM
Ouça a 93 FM
Peça sua música
Fale com a Rádio
Seja repórter da 93
Publicidade
 
Alberto Sena
Augusto Vieira
Avay Miranda
Carmen Netto
Dário Cotrim
Davidson Caldeira
Efemérides - Nelson Vianna
Enoque Alves
Flavio Pinto
Genival Tourinho
Gustavo Mameluque
Haroldo Lívio
Haroldo Santos
Haroldo Tourinho Filho
Hoje em Dia
Iara Tribuzzi
Isaias Caldeira
João Carlos Sobreira
Jorge Silveira
José Ponciano Neto
José Prates
Luiz de Paula
Luiz Ortiga
Manoel Hygino
Marcelo Eduardo Freitas
Marden Carvalho
Maria Ribeiro Pires
Mário Genival Tourinho
Oswaldo Antunes
Paulo Braga
Paulo Narciso
Petronio Braz
Raphael Reys
Raquel Chaves
Roberto Elísio
Ruth Tupinambá
Ruth Tupinambá Graça
Saulo
Ucho Ribeiro
Virginia de Paula
Waldyr Senna
Wanderlino Arruda
Web - Chorografia
Web Outros
Yvonne Silveira
 
Atuais
Panorâmicas
Antigas
Pinturas
Catopês
Obtidas por satélite
No Tempo de Lazinho
Estrada Real Sertão
Mapa de M. Claros
 

2/8/2014 - "existem pessoas (...) comprando áreas aqui em Montes Claros para chacrear, ganhar um “burro de dinheiro”, e vão embora deixando os ludibriados proprietários de chácaras irregulares “a ver navios”. A ocupação desordenada da região serrana decorre:

»Da procura por melhor clima
»Da procura de paz no campo
»Do inchaço da cidade
»Do medo causado pela violência fora de controle
»Tudo isto

» Ver resultados «




Buscar no Site


Previsão do tempo

Digite uma cidade:

Busca no



 
 



Jornalismo exercido pela própria população



Deixe sua notícia neste Mural, clique aqui para enviar.
(Seja objetivo e escreva no menor espaço possível. Se preferir, coloque seu e-mail; se desejar, coloque também endereço e telefone. As mensagens - preferencialmente de inspiração noticiosa - serão publicadas a critério da redação. Textos que ferem as leis serão sumariamente descartados, assim como mensagens agressivas ou que pretendam apenas criar polêmica e discussão estéril.Pede-se, com empenho, que as mensagens não sejam redigidas em letra de caixa-alta (letras maiúsculas), que em linguagem de internet equivalem a falar gritando. As mensagens aqui postadas não representam a opinião do montesclaros.com; a responsabilidade pertence ao autor da mensagem).



Ir para mensagem N°:
Por data:

Mensagem N° 46759
De: Josué Data: Sáb 6/6/2009 11:29:59
Cidade: M. Claros

Ainda uma contribuição de doutor Hermes, na exposição que marcou a abertura das comemorações de M. Claros pelos 100 anos do notável médico, historiador, folclorista, mecenas, sanitarista, etc. etc. A foto acima é da antiga igrejinha do Rosário, na avenida Coronel Prates. Pelo que se sabe, remotamente "esta atalaia avançada dos povoados cristãos" ( palavras do ministro F. Sá) existiu no largo (ou rocio) que hoje é a Praça João Catoni. No século 19, a fé a reergueu na avenida Coronel Prates, antes que existisse a pista da avenida que leva do bairro ao centro. No fim dos anos 50, sob ameaça de "desabar", foi convocado um trator, de esteiras, dos mais vigorosos, para derrubar o quê? - o templo que ameaçava "ruir". Deu "upa" para fazer o serviço. Eu vi, eu estava lá, eu era menino. Doutor Hermes, o mecenas, então vendeu patrimônio seu, particular, para iniciar a construção da igrejinha inacabada que hoje, em forma de barca - existe para homenagear a "barca nova" dos Marujos, de linda canção: "Vamos Maninha vamos,/Lá na praia passear/Vamos ver a barca nova que do céu caiu do mar (bis)/Nossa Senhora vai dentro,/Os anjinhos a remar/Rema rema remador, que este barco é do Senhor (bis)/O barquinho ja vai longe .../E os anjinhos a remar/ Rema rema remador, que este barco é do Senhor (bis)." (Neste local, acima de qualquer outro, repousa como solo sagrado a tradição irremovível dos Catopês, Marujos e Caboclinhos.É a mais cava tradição cultural de MOntes Claros -, quase tão antiga como a original de Diamantina, do Serro Frio, de Minas Novas. Que viva o Dr. Hermes!)
Na foto, no destaque, os pais do doutor Hermes - Basílio de Paula Ferreira e Joaquina Mendonça de Paula, de quem derivou tanto esforço para preservar a cultura de um povo, a história do Sertão).
Receba Notícias por E-mail Imprimir Envie esta notícia a um amigo Aprimore esta informação, complete-aAprimore esta informação, complete-a Link:

Mensagem N° 46758
De: Juracy Data: Sáb 6/6/2009 11:13:09
Cidade: M. Claros
Sinal dos bicudíssimos tempos. O comércio de Montes Claros vai trabalhar no feriado de Corpus Christi, na próxima quinta-feira, um dos mais sagrados da tradição católica. Empregados e empregadores fecharam acordo para abrir as portas na véspera do Dia dos Namorados. Apostam tudo, nas vendas deste dia. Os funcionários receberão o dia em dobro. Com a alta carga de impostos, fica cada vez mais difícil manter as portas abertas - ainda mais que grandes grupos desembarcam de mala e cuia em Montes Claros, fazendo funcionar suas atividades aos sábados, domingos e também durante a noite.O resto do comércio continua engessado. O grosso do dinheiro circulante é desviado para pagar coisas notáveis e utilíssimas (!!??) , com o "ganhame" de 23 mil reais que cada um dos 15 vereadores contabiliza todo santo mês, sem falar nas gordas vantagens dos demais "agentes políticos". Está feia a coisa. Ruy Barbosa, se hoje retornasse, diria com mais ênfase - "De tanto ver triunfar as nulidades, de tanto ver prosperar a desonra, de tanto ver crescer a injustiça, de tanto ver agigantarem-se os poderes nas mãos dos maus, o homem chega a desanimar da virtude, a rir-se da honra, a ter vergonha de ser honesto..."
Receba Notícias por E-mail Imprimir Envie esta notícia a um amigo Aprimore esta informação, complete-aAprimore esta informação, complete-a Link:

Mensagem N° 46755
De: Web - Chorografia Data: Sáb 6/6/2009 08:22:23
Cidade: Montes Claros/MG
Transcrição da Revista do Archivo Público Mineiro, editada em Ouro Preto, então capital de Minas, em 1897. O conteúdo, doze anos antes, em 1885, saiu no primeiro jornal de Montes Claros, “Correio do Norte”, fundado e editado pelo autor – o depois desembargador Antônio Augusto Veloso, pai da imprensa de Montes Claros. É o mais antigo documento sobre a história de Montes Claros - Parte 15 - (As partes anteriores estão arquivadas na seção Colunistas - Web - Chorografia)

Chorografia Mineira - Décima quinta parte

(Continuará, nos próximos dias, até a publicação de toda a "Chorografia")
Receba Notícias por E-mail Imprimir Envie esta notícia a um amigo Aprimore esta informação, complete-aAprimore esta informação, complete-a Link:

Mensagem N° 46753
De: Petrônio Braz Data: Sáb 6/6/2009 07:20:52
Cidade: Montes Claros/MG
E-mail: petroniobraz@hotmail.com
Mesmo reconhecendo que a igreja de Matias Cardoso é uma das mais antigas de Minas Gerais, ainda persiste uma dúvida se ela seria mais velha que a de Brejo ao Amparo, em Januária. As datas, embora próximas, não são de molde a esclarecer bem a realidade histórica. Sou, assim, levado a pedir socorro ao “Movimento Catrumano”, ao historiador Antônio Emílio e à pesquisadora Giselle Fagundes.
Receba Notícias por E-mail Imprimir Envie esta notícia a um amigo Aprimore esta informação, complete-aAprimore esta informação, complete-a Link:

Mensagem N° 46740
De: Waldyr Senna Data: Sex 05/06/2009
Cidade: Montes Claros
Esperar para comemorar

Waldyr Senna Batista

Nas diversas reuniões realizadas em Montes Claros nos últimos dois meses para tratar de segurança pública, não faltaram números positivos. Em uma delas, com a presença do secretário Maurício Campos Júnior, o comandante do 10º Batalhão,tenente-coronel Franklim Silveira, anunciou queda de 26% na prática de homicídios, no período de janeiro a maio, tendo melhorado também outros indicadores identificados como IC (índice de criminalidade), que caiu 17%, e ICV ( índice de crimes violentos), que registrou redução de 32% no mesmo período.
Esses dados estatísticos levaram à melhora da posição de Montes Claros no ranking das cidades mais violentas do Estado, segundo informou o delegado Aluizio Mesquita: de terceiro lugar ela passou a décimo. Os dados são tão favoráveis que levaram à afirmativa, na reunião, de que “Montes Claros tem motivo para comemorar no que se refere à segurança pública”. O delegado chegou a gracejar, dizendo que o objetivo é reduzir esse índice em 100%, mas admitindo que “parece ser uma utopia”.
No atual Governo do Estado, os investimentos em Montes Claros no setor foram expressivos. Entre 2003 e 2008, foram aplicados na cidade R$ 30 milhões em equipamentos, armamentos, viaturas , construção e reforma de unidades prisionais e instalação de um centro sócio-educativo. Só no ano passado, foram aplicados Rr$ 11 milhões. Atualmente, a cidade está aparelhada com o que existe em matéria de segurança pública, destaques para o sistema de vigilância eletrônica e uma cadeia moderna como nunca existiu em toda a história do município.
Tudo isso é verdade. Mas as comemorações recomendadas podem ser prematuras, eis que as execuções sumárias continuam, somando 32 casos nos cinco meses do ano. Número que, se for mantida a média mensal de seis mortos, poderá aproximar-se da marca de 2008, que registrou 92 homicídios. Além disso, os assaltos em plena luz do dia, nas ruas, e os roubos em residências continuam acontecendo, de forma que a população não experimenta a chamada “sensação de segurança”. O indutor desse clima é o tráfico de drogas, que não dá sinais confiáveis de ceder, não obstante estarem presos seus principais chefes.
Em um dos seminários realizados, o juiz Isaias Caldeira Veloso, a cuja vara está afeto o tribunal do júri, admitiu que 70% dos crimes julgados em Montes Claros têm ligação com o tráfico de drogas. Na verdade, são relativamente poucos os casos que chegam a julgamento, pois a polícia civil tem mostrado pouca eficiência na apuração dos crimes de morte, que são levados na conta da disputa de gangues pelos pontos de drogas e acabam esquecidos. O juiz informa também que existem milhares de processos paralisados no Forum, por falta de defensores públicos. Se todos eles fossem concluídos e se houvesse sessões do júri todos os dias, diz ele, seriam necessários anos para o esgotamento da pauta. Essa revelação alarmante enseja outra interpretação: havendo milhares de processos parados, são milhares, também, os supostos criminosos soltos nas ruas da cidade, representando impunidade que realimenta a criminalidade.
Não há por que desmerecer os avanços anunciados pelas autoridades policiais. Mas é preciso reconhecer que o problema da segurança pública na cidade não depende apenas da logistica, tem inúmeras outras vertentes, uma delas no judiciário e outra na polícia civil, cujo dispositivo de inteligência tem se mostrado pouco eficiente. Os inúmeros crimes não desvendados levam a essa constatação.
A propósito, no início desta semana mais duas pessoas foram executadas, no bairro Maracanã. Ninguém foi preso.


(Waldyr Senna é o mais antigo e categorizado analista de política em Montes Claros. Durante décadas, assinou a "Coluna do Secretário", n "O Jornal de M. Claros", publicação antológica que editava na companhia de Oswaldo Antunes. É mestre reverenciado de uma geração de jornalistas mineiros, com vasto conhecimento de política e da história política contemporânea do Brasil).
Receba Notícias por E-mail Imprimir Envie esta notícia a um amigo Aprimore esta informação, complete-aAprimore esta informação, complete-a Link:

Mensagem N° 46736
De: Nonato Data: Sex 5/6/2009 12:35:05
Cidade: Moc
E-mail: Nonato@fox.com
Quem anda nos ônibus coletivos é que sabe o que esses remendos de obras da copasa causa na cidade,o pior de tudo é que os motoristas é que levam a culpa dos pulos e solavancos que os ônibus dâo.
Receba Notícias por E-mail Imprimir Envie esta notícia a um amigo Aprimore esta informação, complete-aAprimore esta informação, complete-a Link:

Mensagem N° 46735
De: InterTV Data: Sex 5/6/2009 12:18:26
Cidade: M. Claros
A justiça declarou inelegível o ex-prefeito de Montes Claros Athos Avelino Pereira e o vice dele, Sued Kennedy Parreira Botelho, por abuso de poder político e uso indevido dos meios de comunicação durante a campanha do ano passado. A decisão do Tribunal Regional Eleitoral de Minas Gerais cessa os direitos políticos de Athos e Sued pelos próximos três anos.Segundo a assessoria de imprensa do tribunal, o motivo seria a participação do então prefeito na semana da paz. No evento teria acontecido a distribuição irregulares de "santinhos" e o enaltecimento de Athos sendo chamado, por exemplo, de "princípe da cidade" - em alusão a citações bíblicas. A defesa tem o prazo de três dias após a publicação para apresentar o recurso.
Receba Notícias por E-mail Imprimir Envie esta notícia a um amigo Aprimore esta informação, complete-aAprimore esta informação, complete-a Link:





Mensagem N° 46722
De: Jornal Hoje em Dia Data: Sex 5/6/2009 08:59:04
Cidade: Belo Horizonte

Athos fica inelegível – Denise Motta – Montes Claros – O ex-prefeito de Montes Claros (Norte de Minas) Athos Avelino (PPS) foi declarado inelegível por três anos em decisão unânime da corte do Tribunal Regional Eleitoral (TRE), na noite de ontem. O motivo da punição foi abuso de poder político e uso indevido dos meios de comunicação, durante as eleições do ano passado. Avelino pode recorrer da decisão ao Tribunal Superior Eleitoral (TSE). Ele não foi encontrado para comentar o caso. Conforme informações do Tribunal, a condenação de Avelino foi recomendada em parecer do procurador-geral eleitoral, José Jairo Gomes, e pelo juiz eleitoral relator, Antônio Romanelli. Em primeira instância, Avelino foi considerado inocente da acusação. Entretanto, a coligação de seu adversário nas urnas, Luiz Tadeu Leite (PMDB), chamada “Montes Claros para Todos”, entrou com um recurso no TRE. Tadeu é o atual prefeito da cidade. O processo de acusação contra Avelino refere-se a um evento promovido pela prefeitura em pleno período de campanha eleitoral. Chamado “Semana da Paz”, o evento reuniu centenas de moradores de Montes Claros, em torno de apresentações de artistas, durante o período de 22 a 28 de setembro, poucos dias antes do pleito. Também segundo o processo, Avelino, prefeito à época, participou do evento que ainda contou com distribuição de camisetas com a logomarca da Prefeitura de Montes Claros. Athos Avelino foi derrotado pelo então deputado estadual Luiz Tadeu leite nas eleições do ano passado em uma campanha eleitoral concorrida no Norte de Minas. Leite também já foi alvo de acusações de supostas irregularidades em sua gestão à frente da Prefeitura de Montes Claros. Leite teve uma vitória apertada em Montes Claros (MG), com pouco mais de 50% dos votos válidos, contra cerca de 48% do rival. O atual prefeito de Montes Claros já administrou cidade nos períodos de 1982 a 1988 e 1993 a 1996. Em 2004, ele também concorreu ao cargo, mas perdeu para Avelino no segundo turno. Essa é a segunda vez que ocorre segundo turno na cidade.(...)
Receba Notícias por E-mail Imprimir Envie esta notícia a um amigo Aprimore esta informação, complete-aAprimore esta informação, complete-a Link:

Mensagem N° 46721
De: Jornal Estado de Minas Data: Sex 5/6/2009 07:55:25
Cidade: Belo Horizonte
Mãe de mineiro passa mal - Luiz Ribeiro - Os parentes do engenheiro Hilton Jadir Silveira Souza, de 50 anos, um dos passageiros do voo AF 447 da Air France, que seguiram para o Rio de Janeiro para acompanhar os trabalhos de busca dos destroços do avião, devem retornar amanhã a Montes Claros, no Norte de Minas. Na manhã de ontem, eles participaram da missa, na Igreja da Candelária, no Rio, que lembrou os 228 ocupantes do voo. Desde terça-feira à noite os familiares do engenheiro estão no Hotel Windson, da Barra da Tijuca, onde a Air France hospedou os parentes das vítimas do acidente, que recebem assistência e informações sobre as buscas no Oceano Atlântico. A mãe de Hilton, Raimunda Silva, a dona Dica, de 72 anos, passou mal na noite de anteontem e na manhã de ontem. Foi atendida pela equipe médica que presta assistência aos parentes das vítimas. A informação foi dada pelo irmão do engenheiro, o operador de telemarketing Jorge Ferreira de Souza, que também participou da missa na Candelária. “O atendimento que recebemos aqui está sendo completo”, disse Jorge, assinalando que, além do apoio da equipe da Air France, a família teve assistência da Petrobras, na qual Hilton trabalhava há cerca de 20 anos. Por outro lado, ele acrescentou que, “mesmo com toda a assistência, o clima não está bom, pois minha mãe passou mal. Vamos retornar a Montes Claros sábado e aguardar o que vai acontecer”. A família não divulgou se vai pedir a celebração de uma missa em Montes Claros. Casado e pai de dois filhos, Hilton Jadir Silveira nasceu no Bairro Santa Rita (antiga Vila Ananias), em Montes Claros. Mudou-se para o Rio de Janeiro há cerca de 20 anos, fixando residência no Bairro de Botafogo. Ainda de acordo com seus parentes, o engenheiro embarcou no voo AF 447 para Paris, de onde pegaria outro avião com destino a Berlim, a serviço da Petrobras. Depois, ainda iria ao Japão.
Receba Notícias por E-mail Imprimir Envie esta notícia a um amigo Aprimore esta informação, complete-aAprimore esta informação, complete-a Link:

Mensagem N° 46719
De: Jornal Hoje em Dia Data: Sex 5/6/2009 07:35:20
Cidade: Belo Horizonte
Lojista critica interdição de ruas em Moc - Girleno Alencar Da Sucursal - Montes Claros - A troca de cerca de 90 quilômetros de redes de água e esgoto, em Montes Claros, tem interditado algumas ruas da cidade, desagradando comerciantes. Eles reclamam de prejuízos, alegando que, muitas vezes, as obras impedem clientes de entrarem nas lojas, de acordo com o presidente da Câmara de Dirigentes Lojistas (CDL), Walter Boaventura. Os serviços estão sendo executados por construtoras contratadas pela Copasa. O engenheiro operacional da empresa, Vilson José Amorim afirma que uma equipe visita os consumidores, pedindo colaboração e dando esclarecimentos sobre a mudança da tubulação. Segundo ele, durante as intervenções, a Copasa aciona a Empresa Montes Claros de Trânsito e Tráfego (MCTrans), que interdita as áreas e define os desvios que serão implantados. A substituição da tubulação antiga do sistema de abastecimento de água, na área central, representa investimento de R$ 7 milhões, dentro do Projeto de Redução de Perdas Com Mais Água, que faz parte do Programa de Modernização do Setor de Saneamento, implantado em parceria com a Secretaria Nacional de Saneamento Ambiental, do Ministério das Cidades. Montes Claros é um dos dez municípios do país escolhidos para participar do Com Mais Água, que tem por objetivo “o gerenciamento integrado das perdas de água e o uso eficiente da energia elétrica”. A rede existente tem cerca de 50 anos. De acordo com Vilson Amorim, as obras começaram em 19 de janeiro e deverão ser concluídas em junho de 2010. Ele afirma que a maior mudança está ocorrendo na área formada pela Rua Belo Horizonte e avenidas Ovídio de Abreu, Januária, Prefeitura e Deputado Esteves Rodrigues. Além disso, os bairros São José, São João, Vila Guilhermina e parte da Vila Mauricéia também terão a troca de tubulação. No ano passado, obras foram realizadas em parte do Bairro Melo, além uma área de 1.500 metros nas proximidades da Praça da Matriz. “Antes de começar o serviço, o grupo de mobilização social vai na frente e conversa com os usuários da via sobre o motivo da obra. Não interditamos a rua sem apoio da MCTrans. Procuramos causar o menor impacto possível”, alega. O supervisor de Operações da Copasa em Montes Claros, Soter Magno, afirma que a substituição das antigas redes de abastecimento de água representará economia, com a eliminação de vazamentos. “A comunidade será melhor atendida, com água de qualidade, mas também teremos um grande impacto ambiental, com a eliminação do desperdício”. O presidente da CDL, Walter Boaventura, afirma que os comerciantes estão preocupados com a interdição das ruas, embora reconheçam que a troca da tubulação é necessária. Segundo eles, falta um planejamento para a execução dos serviços, priorizando os finais de semana e feriados. Boaventura diz que desconhece a atuação da equipe de mobilização social da Copasa, alegando que, como comerciante da área afetada, não foi procurado. “Nesta época do ano, o comércio tem mais movimento e abre oportunidade para maior faturamento. Porém, muitos estabelecimentos ficaram com a frente interditada por uma semana, e o cliente tinha dificuldade de entrar, como ocorreu na Rua Coronel Joaquim Costa”. alega.
Receba Notícias por E-mail Imprimir Envie esta notícia a um amigo Aprimore esta informação, complete-aAprimore esta informação, complete-a Link:

Mensagem N° 46712
De: Soares Data: Qui 4/6/2009 20:02:11
Cidade: Montes Claros
Ao contrário das notas plantadas em colunas sociais da cidade, é de confronto o clima interno no shopping inaugurado na cidade há menos de três meses. Muito infelizmente.
Receba Notícias por E-mail Imprimir Envie esta notícia a um amigo Aprimore esta informação, complete-aAprimore esta informação, complete-a Link:

Mensagem N° 46710
De: César Data: Qui 4/6/2009 19:35:22
Cidade: Buenópolis, MG
Buenópolis, a 150 quilômetros, inaugurou um novo hotel de dar inveja a Montes Claros.Do empreendedor Tião Abasse, tem 18 apartamentos e 60 leitos, com ar condicionado, tv, frigobar, etc, e um imponente salão de convenções para 180 pessoas, além de lago para pesca esportiva, onde não faltam carpas no meio de outras espécies de peixe. Casal, em fim de semana, com café e almoço, paga 250 reais a diária, preço que cai para 150, nos dias comuns, e para R$ 100 o apartamento individual. Para o pernoite, em ambiente de extremo conforto, o valor é de 80 reais, no hotel que fica metido num bosque de águas murmurantes.
Receba Notícias por E-mail Imprimir Envie esta notícia a um amigo Aprimore esta informação, complete-aAprimore esta informação, complete-a Link:

Mensagem N° 46708
De: Eugênio Data: Qui 4/6/2009 18:56:49
Cidade: M. Claros  País: -
É louvável a iniciativa da COPASA de substituir as redes antigas do centro que segundo infomarção da própria Empresa vem causando ao longo dos anos prejuizos, mas o que nos chama atenção e a total falta de planejamento, passei hoje pelo centro e trânsito que já é difícil pela falta controle e interesse da administração pública municipal ficou ainda pior. Para executar a tal obra, a COPASA fechou a rua Cel Joaquim Costa e trânsito que já é ruim ficou ainda pior, sugiro aos administradores da COPASA que tenham respeito com a população, pois somos nós que custeamos os seus salários, e mesmo como leigo entendo que essas obras podem serem planejadas para o periodo noturno ou até mesmo nos finais de semana.
Receba Notícias por E-mail Imprimir Envie esta notícia a um amigo Aprimore esta informação, complete-aAprimore esta informação, complete-a Link:

Mensagem N° 46707
De: José de Joel Data: Qui 4/6/2009 18:40:06
Cidade: São Francisco/MG
Está certíssimo o JOSÉ da Mensagem N° 46700 . A COPASA arrasou com as ruas da cidade de São Francisco. Aconteceu aqui o que josé prevê para Montes Claros. Neste caso o prefeito tem de ter pulso forte e mandar fazer uma restauração do asfalto do jeito que encontrou. Aqui em São Francisco não temos mais ruas calçadas. Acabou tudo por culpa da COPASA.

Receba Notícias por E-mail Imprimir Envie esta notícia a um amigo Aprimore esta informação, complete-aAprimore esta informação, complete-a Link:

Mensagem N° 46706
De: Fabiano Data: Qui 4/6/2009 17:27:54
Cidade: Montes Claros-MG  País: BR
Concordo plenamente com o muralista Melo..a copasa na minha rua ( Sebastião Duarte - Morada do Sol )fez um buraco que ninguém soube pra quê.. estragou o asfalto novo, simplesmente jogou uma terra por cima e foi embora.. Já liguei várias vezes e não tive sucesso.. vou tirar fotos e publicar nos jornais eletronicos e outros.. estamos todos revoltados com o péssimo serviço da Copasa
Receba Notícias por E-mail Imprimir Envie esta notícia a um amigo Aprimore esta informação, complete-aAprimore esta informação, complete-a Link:





Mensagem N° 46705
De: Melo Data: Qui 4/6/2009 15:05:43
Cidade: Montes Claros
E-mail: fergiv@ig.com.br
A Copasa nos pede paciencia com as obras que visam reduzir perdas de água. Tudo certo, vamos ter paciencia.Só não dá para ter paciencia é com o péssimo serviço de reposição do asfalto arrancado. Será que a Copasa não consegue contratar uma empreiteira decente, que trabalhe correto? Ou contratar amadores faz parte da redução de custos da empresa ? Ninguém merece tanto amadorismo e tantos consertos de péssima qualidade, cheios de ondulações... haja paciência ! A empresa deveria cuidar melhor de sua própria imagem, que não é das melhores entre a população.
Receba Notícias por E-mail Imprimir Envie esta notícia a um amigo Aprimore esta informação, complete-aAprimore esta informação, complete-a Link:

Mensagem N° 46700
De: José Data: Qui 4/6/2009 13:32:41
Cidade: Montes Claros  País: BRASIL
E-mail: jfmsouza@gmail.com
O que é uma falta de respeito com o dinheiro público é a falta de planejamento dos serviços públicos. Agora vem a COPASA, que como sempre esburaca as ruas e depois refaz o serviço de tapa buraco com péssima qualidade,ficando as ruas cheias de ondulações e saliências. Só falta agora ela abrir buracos naquela avenida nova onde foi feito o asfalto recentemente. Mas, como sempre estão a tirar dinheiro dos cofres públicos... Já imaginou se voce rebocasse e pintasse toda a sua casa e só depois fosse fazer a instalação elétrica... pois é, mas é assim que funciona a COPASA. UMA VERGONHA!!!!!!!!!!!!
Receba Notícias por E-mail Imprimir Envie esta notícia a um amigo Aprimore esta informação, complete-aAprimore esta informação, complete-a Link:

Mensagem N° 46697
De: Jose Antônio Data: Qui 4/6/2009 11:49:11
Cidade: Montes Claros  País: Brasil
O pior não é a Copasa substituir sua rede de água e esgoto, é remendar esse nosso asfalto que vem ficando cada dia pior com esses remendos horríveis.
Receba Notícias por E-mail Imprimir Envie esta notícia a um amigo Aprimore esta informação, complete-aAprimore esta informação, complete-a Link:

Mensagem N° 46695
De: Copasa Data: Qui 4/6/2009 11:15:05
Cidade: M. Claros
Comunicado.A Copasa comunica que está substituindo a tubulação antiga do sistema de abastecimento de água na área central de Montes Claros. As obras fazem parte do projeto de Redução de Perdas “Com + Água”, envolvendo investimentos da ordem de R$ 7 mi milhões. O objetivo é eliminar o desperdício e aperfeiçoar o abastecimento, representando importante ganho para a população com a melhoria da oferta de água, além do impacto positivo para o meio ambiente.Na implantação desses serviços, serão necessárias intervenções em ruas do centro da cidade. Ressaltamos que estamos desenvolvendo todos os esforços para que o impacto no trânsito seja o mínimo possível, com a execução de grande parte dos trabalhos no período noturno e nos fins de semana.Mesmo assim, deverão ser feitas algumas mudanças no trânsito, com fechamento de quarteirões ou desvios, ainda que por curtos períodos curtos. Para tanto, esperamos contar com a compreensão dos comerciantes, motoristas, pedestres e da comunidade em geral. (...)
Receba Notícias por E-mail Imprimir Envie esta notícia a um amigo Aprimore esta informação, complete-aAprimore esta informação, complete-a Link:

Mensagem N° 46694
De: Celso Rios Data: Qui 4/6/2009 11:04:57
Cidade: M. Claros
O já tumultuado trânsito na área central de Montes Claros, onde há anos não há obra significativa que o melhore, vai ficar ainda pior. A Copasa deve começar a fazer buracos para substituir o antigo abastecimento de água, num desconhecido projeto chamado de “redução de perdas”. A empresa, que não goza de grande simpatia por parte da população, já é muito conhecida para que a população acredite no que anuncia: “estamos desenvolvendo todos os esforços para que o impacto no trânsito seja o mínimo possível, com a execução de grande parte dos trabalhos no período noturno e nos fins de semana”. A própria empresa – e não a prefeitura – anuncia que serão feitas mudanças no trânsito, “com fechamento de quarteirões ou desvios”.
Receba Notícias por E-mail Imprimir Envie esta notícia a um amigo Aprimore esta informação, complete-aAprimore esta informação, complete-a Link:

Mensagem N° 46692
De: Gecina A. Pires Data: Qui 4/6/2009 10:44:51
Cidade: Rio de Janeiro
Grande diferença. O Ministro das Relações Exteriores da França - uma das maiores potências do mundo - desembarcou no Brasil, de um avião comercial, com sua blusa amarrada no pescoço e puxandoa própria bagagem. Veio falar com as famílias enlutadas pelo acidente do airbus . Nenhuma mordomia. Nem séquito de assessores pagos pela população, esmagada pelos impostos. (...)
Receba Notícias por E-mail Imprimir Envie esta notícia a um amigo Aprimore esta informação, complete-aAprimore esta informação, complete-a Link:

Mensagem N° 46691
De: Gilmar Data: Qui 4/6/2009 10:14:36
Cidade: Brasília DF
Escândalos aqui em Brasília (no mundo oficial, da política) e desastres no Brasil. Assim caminha a brasilidade. (...)
Receba Notícias por E-mail Imprimir Envie esta notícia a um amigo Aprimore esta informação, complete-aAprimore esta informação, complete-a Link:

Mensagem N° 46687
De: Petrônio Braz Data: Qui 4/6/2009 08:51:37
Cidade: Montes Claros/MG
E-mail: petroniobraz@hotmail.com
Maria da Cruz Porto Carreiro

Muito ainda se tem que pesquisar sobre a vida e a obra de Maria da Cruz, todavia, os fatos históricos precisam ser buscados na sua origem, vistos por olhos desprovidos de paixão ou interesse. Qualquer pesquisador menos avisado, por exemplo, que pretendesse reviver a saga de Antônio Dó pelos relatos oficiais da Polícia Militar, registrados nos arquivos em Belo Horizonte, iria considerar o massacre da Vargem Bonita, no município de Januária, de forma diversa da verdade. O oficial responsável pela diligência fez o seu relato para justificar sua barbárie e por sua informação, constante dos arquivos da Polícia Militar, ter-se-ia como verdade que “como acontecera em Canudos anos antes e tal como também sucedera no reduto de Germano Dias, os sertanejos de Vargem Bonita não se entregaram. Morreram como valentes, como homens. Combatendo e de armas nas mãos”. Não é verdade. Mais correta é a versão de Saul Martins: “Felão deu ordem para atearem fogo às casas, que eram cobertas de palha de buriti, a fim de escorraçar os “bandidos”, que se ocultavam nelas. (...) As casas eram ocupadas pelos respectivos donos e suas famílias, moradores do lugar, e não bandidos”. Não houve resistência por parte dos habitantes do lugar.
Assim também não se poderá ver a Conjuração do São Francisco de 1736 apenas pela ótica dos relatórios do governador Martinho de Mendonça, contra quem se rebelaram os são-franciscanos, porque ele não tinha, nem podia ter, conhecimento das razões subjetivas dos barranqueiros, nem com eles conviveu ou manteve entendimentos ou contatos anteriores aos fatos. Como também as atrocidades perpetradas durante a Santa Inquisição não poderão ser conhecidas pelos relatos oficiais da Igreja.
Escrevendo sobre Maria da Cruz, em artigo outro, afirmei que “a poesia de José Gonçalves de Souza marca sua vida; Augusta Figueiredo, em “Maria da Cruz e o Velho Chico”, fixa passagem de sua profícua existência, mas pouco, muito pouco, sobre ela se escreveu até agora. Diogo de Vasconcelos, em sua “Historia Média de Minas Gerais”, é quem melhor informa sobre sua vida. A ela dedicou Antônio Emílio Pereira pouco mais de uma página em seu livro “Memorial Januária – Terra, Rios e Gente”.
Agora, tenho em mãos o livro “Alvará de Perdão Concedido a Dona Maria da Cruz, Viúva”, obra de fôlego, de aprofundadas pesquisas, de autoria de Giselle Fagundes, com belas fotografias da região do São Francisco de Nahílson Martins. Com ele, com o livro de Giselle Fagundes, efetivamente podemos repetir, com Diogo de Vasconcelos, que Maria da Cruz foi retirada da fria e apagada cova do esquecimento.
Tinha dúvidas sobre o seu verdadeiro nome que seria Maria da Cruz Porto Carreiro ou Maria da Cruz Torre Prado de Almeida Oliveira Matias Toledo Cardoso. Para Giselle Fagundes, com fundamento em documentos de valor histórico por ela pesquisados, o nome correto da heroína sertaneja é Maria da Cruz Porto Carreiro.
O livro de Giselle Fagundes é rico pelo valor das pesquisas e relatos fundamentados em documentos, por ela coletados na fonte e as fotos não só dos lugares, mas também de alguns documentos, enriquecem o texto. A árvore genealógica de Maria da Cruz ficou bem definida, assim como a sua participação nos “Motins do Sertão”, que prefiro chamar “Conjuração do São Francisco”, mas o livro não nos apresenta o que ainda precisa ser pesquisado, para fixação efetiva da memória, a obra colonizadora de Maria da Cruz. Ninguém melhor do que Giselle Fagundes para, completando seu maravilhoso trabalho, resgatar tão importante passagem de nossa história.
Diogo de Vasconcelos, em sua “Historia Média de Minas Gerais”, esclarece que “em seus domínios ela possuía teares de algodão, curtumes e oficinas de couros, tenda de ferreiros e carapinas, escolas de leitura e de música, além de armazéns de fazenda”.


Receba Notícias por E-mail Imprimir Envie esta notícia a um amigo Aprimore esta informação, complete-aAprimore esta informação, complete-a Link:





Mensagem N° 46684
De: Jornal Hoje em Dia Data: Qui 4/6/2009 07:22:52
Cidade: Belo Horizonte
Justiça pode definir tarifa de ônibus em Moc - Girleno Alencar Da Sucursal - Montes Claros - A juíza Rozana Siqueira Paixão, da 1ª Vara da Fazenda Pública de Montes Claros, estabeleceu prazo de 72 horas para o prefeito Luiz Tadeu Leite e o presidente da MCTrans, coronel Orlando Camargos, prestarem esclarecimentos sobre o aumento do preço da passagem do transporte coletivo urbano. No dia 13 de abril, a tarifa subiu de R$ 1,55 para R$ 1,90. É que o Ministério Público impetrou ação civil pública, para que o reajuste seja cancelado, sob alegação de descumprimento do contrato de exploração do serviço, além de irregularidades na planilha que determinou o novo valor. Os promotores Felipe Gustavo Gonçalves Caires e Paulo Vinicius Magalhães Cabrera pediram que fosse concedida liminar para a suspensão do aumento. A juiza deu prazo de 72 horas, que deverá correr a partir de hoje, quando as partes forem citadas oficialmente. Na manhã de ontem, o prefeito Luiz Tadeu Leite afirmou que espera que a Justiça mantenha o preço. Na ação civil pública, os promotores alegam que a prefeitura recusou a última proposta apresentada pelo Ministério Público, de que o aumento da tarifa fosse suspenso a partir da última segunda-feira, até que as empresas trocassem os 19 anos com tempo de uso vencido. O MP propôs também que, após o cumprimento dessa formalidade, a tarifa passasse a ser de R$ 1,75. Além disso, sugeriu que a multa diária de R$ 500 pelo descumprimento do contrato fosse cobrada pela metade, enquanto houvesse irregularidade e, depois, fosse usada para determinar a tarifa em 2010. O órgão recomendou ainda que a diferença de R$ 0,35 cobrada a mais dos usuários fosse depositada em conta do Fundo Municipal ou Estadual do Consumidor, para que, depois, os usuários fossem ressarcidos. Os promotores alegam ainda que, em fevereiro de 2005, a Justiça de Montes Claros suspendeu o aumento da passagem, na época fixada em R$ 1,20, retornando-a para R$ 1.
Prefeito espera fim de polêmica - Na manhã de ontem, durante o Café com o Prefeito, novo programa criado para contato com a comunidade, Luiz Tadeu Leite afirmou que espera que a Justiça acabe com a polêmica. Segundo ele, “a única falha era a falta dos 13 ônibus incluídos na planilha que determinou o reajuste, mas as empresas já os colocaram em circulação”. O prefeito alegou também que a exigência de os ônibus terem no máximo oito anos foi suspensa pela administração, com base na Lei Orgânica Municipal.
Receba Notícias por E-mail Imprimir Envie esta notícia a um amigo Aprimore esta informação, complete-aAprimore esta informação, complete-a Link:

Mensagem N° 46683
De: Air France Data: Qua 3/6/2009 22:59:59
Cidade: Rio de Janeiro
"É com muito pesar que a Air France vem a publico apresentar a lista com o nome dos brasileiros - apenas os autorizados pelos familiares - a bordo do voo AF 447, desaparecido em 31 de maio de 2009. São eles:

-Adriana Henriques
-Adriana Sluijs
-Ana Carolina Silva
-Ana Luisa Curty
-Angela Cristina De Oliveira Silva
-Antonio Augusto Gueiros
-Bianca Cotta
-Bruno Pelajo
-Carlos Mateus
-Carlos Eduardo De Mello
-Deise Possamai
-Eduardo Moreno
-Ferdinand Porcaro
-Francisco Vale
-Gustavo Mattos
-Izabela Kestler
-Jean Claude Lozouet
-Joao Marques Silva
-Jose Souza
-Jose Gregorio Marques
-Jose Roberto Gomes Da Silva
-Julia Chaves De Mirandas Chmi
-Juliana De Aquino
-Leonardo Dardengo
-Leonardo Pereira Leite
-Leticia Chem
-Luciana Seba
-Luis Claudio Monlevad
-Luis Roberto Anastacio
-Marcela Pellizzon
-Marcelo Oliveira
-Marcia Mosconde Faria
-Marco Mendonca
-Maria Vale
-Maria Teresa Marques
-Mateus Antunes
-Nelson Marinho
-Octavio Antunes
-Patricia Antunes
-Paulo Vale
-Pedro Luiz De Orleans e Braganca
-Roberto Chem
-Silvio Barbato
-Simone Elias
-Solu Wellington Vieira De Sa
-Sonia Ferreira
-Sonia Maria Cordeiro Porcaro
-Tadeu Moraes
-Valnizia Betzler
-Vanderleia Carraro
-Vera Chem
-Veronica Ivanovitch
-Walter Carrilho Junior
Receba Notícias por E-mail Imprimir Envie esta notícia a um amigo Aprimore esta informação, complete-aAprimore esta informação, complete-a Link:

Mensagem N° 46674
De: Raphael Reys Data: Qua 3/6/2009 15:22:46
Cidade: Montes Claros

EM BUSCA DE PEQUENOS MOMENTOS

A minha primeira percepção completa de vida e consciência ocorreu aos três anos de idade. (Na foto, o autor, no dia da primeira comunhão). Lembro-me, como se fosse hoje. No desfile das recordações, fatos se fixaram indelevelmente na minha saudade e na minha lembrança. Então, caminhava com meu tio "Lero" pela Avenida Afonso Pena, em BH, puxando por um cordão um filtro velho de óleo de caminhão, na minha imaginação uma luzida “baratinha”, que rolava pelo passeio com grande estrépito.
Era uma Belo Horizonte de linhas curvas e bem traçadas, ruas calçadas com paralelepípedos cortados por uma teia de trilhos franceses em que trafegavam bondes românticos. O casario colonial, em “art decó”, com seus monumentais jardins repleto de flores, beija-flores, abelhas e deliciosos e inesquecíveis aromas.
Aos quatro anos, como eu curtia o passeio aos domingos com os avôs no Ford Bigode do meu pai! A "manica" de ferro que dava partida no motor contava com a nossa entusiasmada torcida, para não falhar nem quebrar o braço do seu “operador”, ao retornar à posição original, o que acontecia freqüentemente... Tinha o radiador que fervia e jogava para o alto a tampa do bujão, o tubo de chocolate Kauffman que grudava no céu da boca, muitas vezes de propósito, pois só era descolado com um saboroso gole de guaraná espumante tomado no canudinho...
Tinha a calça de linho S120 branco, a gravata borboleta e o suspensório colorido, compondo o “glamour” dos almofadinhas de ontem, valorizado pelo sapato “Scatamachia” de verniz polido com graxa “Nugget”. Tinha o vôo dos meninos com coqueluche, pelas asas da Panair, com direito, ao posar o “avião da tosse” a tirar fotos no Parque Municipal, por conta da empresa.
Tinha o calor da fantasia de mandarim confeccionada com cetim e a sacola pendente com confetes, serpentinas e o lança perfume Rodoro de metal, para dançar o carnaval cantando... “sa... sa... ricando/ todo mundo leva a vida no arame/ sa... sa... sacricando/ a viúva o brotinho e a madame/ o velho/ na porta da Colombo/ é um assombro/ sa... sa... ricando!
1954 e o primeiro dia de aula no Instituto Norte Mineiro, comendo o doce de manga verde de dona Albertina e vendo a beleza do paletó de veludo verde do professor Márcio. A meia espuma de nylon em cores berrantes, calçados o quedes, mascando o chiclete “bola” importado via Santos, a um dólar cada.
Tinha o cabelo cortado à Príncipe Danilo, a brincadeira de “estraque deixa”, o canivete Corneta no estojo, a caneta Parker 51 com pena folheada a ouro e as balas Toffee, compradas no bar de Adail Sarmento e a notícia da morte da imortal Carmen Miranda.
Junto à adolescência, chegaram, também, o canivete de molas ao estilo “West Side History”, a calça “Roebuck” e a botinha meio cano com o cinturão de couro e fivela “country”. Além dos épicos faroestes e o porre de Cinzano bebido às margens do rio do Melo.
Muitas são as saudades do cabelo longo introduzido pelos “Beatles” e da mística das suas músicas mais que eternas, que nos sufocavam de pura emoção, do “twist”, e o encanto da inauguração da “bossa nova”, ainda entre aspas, na voz de João Gilberto, do som do violão de Baden Powel. Da camisa “Prist”, do tango dançado na pista da boate de Anália, o perfume embriagador das damas da noite e o som do violão do virtuose instrumentista Antonio Augusto Soldado (irmão de Théo Azevedo), solando... “Corrientes/ trê quatro otcho/ tercero piso/ ascensor...”
Como tão bem diz o inspirado poetinha Felippe Prates:
- “Estou nú, dentro de mim!...”
Receba Notícias por E-mail Imprimir Envie esta notícia a um amigo Aprimore esta informação, complete-aAprimore esta informação, complete-a Link:

Mensagem N° 46670
De: Gersier Data: Qua 3/6/2009 14:39:04
Cidade: Montes Claros
Um alerta aos pais que tem filhos que estudam no Alcides Carvalho,o Polivalente.Um menor vagabundo anda assaltando os alunos daquela escola,principalmente na parte da manhã.Hoje minha filha e uma enteada foram assaltadas por esse marginalzinho,que anda armado com uma faca.Conversando com a Policia Militar,dizendo que eu já havia ligado pedindo que fizessem rondas nas proximidades,já que está virando rotina esses assaltos,me informaram que cabe a Diretoria da referida escola tomar providência e solicitar que viaturas percorram os locais próximos.É a famosa burrorocracia.Fazem de tudo para dificultar o direito do cidadão ou cidadã brasileiros exercer a sua cidadania.(...)
Receba Notícias por E-mail Imprimir Envie esta notícia a um amigo Aprimore esta informação, complete-aAprimore esta informação, complete-a Link:

Mensagem N° 46668
De: Marcos Data: Qua 3/6/2009 13:37:09
Cidade: MOC
Tentativa de homicidio nesta segunda-feira ( dia 01/06 ) no bairro DE LOURDES rua tungstenio deixa 3 pessoas baleadas, na hora havia varias pessoas na rua inclusive criancas no colo de seus pais .
Receba Notícias por E-mail Imprimir Envie esta notícia a um amigo Aprimore esta informação, complete-aAprimore esta informação, complete-a Link:

Mensagem N° 46666
De: Luiz de Paula Data: Qua 3/6/2009 12:10:25
Cidade: M. Claros
LEMBRANÇAS

No sertão onde eu nasci
canta a juriti,
canta o lenhador.
As moças dançam a ciranda
e cantam cantigas de amor.

O sino da tarde me lembra saudoso
daquelas paragens onde eu nasci,
daquelas casinhas à beira da estrada,
do sonho de amor que ali eu perdi.

Na maturidade, e mais que na maturidade, na velhice, é constante o aflorar das lembranças nas horas vazias.
Há uma carga de recordações muito fortes em quem envelhece. Eu expresso isso na CANÇÃO DE UMA SAUDADE ANTIGA. São acontecimentos, são pessoas e ocasiões que participaram do enredo de nossa vida. E deixaram sua marca.

Luiz de Paula
Receba Notícias por E-mail Imprimir Envie esta notícia a um amigo Aprimore esta informação, complete-aAprimore esta informação, complete-a Link:

Mensagem N° 46665
De: Josué Data: Qua 3/6/2009 11:57:55
Cidade: M. Claros

Ainda a exposição que abriu os 100 anos do benfeitor Hermes de Paula. A pintura acima é do acervo da família. Retrata uma das partes ainda razoavelmente conservadas da história de Montes Claros. Fica nos fundos da Matriz, no prolongamento da rua dos Correios. O segundo sobrado à esquerda, perto do Posto Esso, foi derrubado há poucos anos, mas o primeiro conserva-se estoicamente de pé. Consta que, neste, morou Daniel Costa, o maior benfeitor da história da Santa Casa, pois, casal sem filhos, doou todo o seu patrimônio de rico comerciante para os pobres das gerações que viriam a ser atendidas naquele hospital. O patrimônio estava na concentração de lojas comerciais em torno do antigo mercado, na Praça Doutor Carlos. Bens que ainda há poucos anos foram vendidos para a ampliação dos hospital. A pintura da coleção do historiador Hermes de Paula dá bem a medida da Montes Claros bucólica dos anos 60/70 (ou pouco antes), ali bem perto de onde nasceu o "ajuntamento novo" - no dealbar do século 18.
Receba Notícias por E-mail Imprimir Envie esta notícia a um amigo Aprimore esta informação, complete-aAprimore esta informação, complete-a Link:

Mensagem N° 46657
De: Kennio Data: Qua 3/6/2009 10:12:18
Cidade: Ipatinga/MG
E-mail: kenniorb@ig.com.br
Complementando a notícia n° 46563, venho informar que o respeitável engenheiro Hilton Jadir formou-se em Engenharia Industrial Elétrica na década de 80 pela Unileste-MG (antiga Puc), de Coronel Fabriciano/MG, cidade natal da sua esposa, a Sra. Maria dos Anjos.Fonte: jornal Diario do Aço.
Receba Notícias por E-mail Imprimir Envie esta notícia a um amigo Aprimore esta informação, complete-aAprimore esta informação, complete-a Link:

Mensagem N° 46647
De: joao carlos Data: Qua 3/6/2009 08:52:36
Cidade: montes claros/mg
Ontem por volta de 17:45, carro oficial da prefeitura de Patís, Secretaria da Educação, placa HMH-4644, estava parado no final na rua coronel joaquim costa ´(área comercial), proximo à praça de esportes, com o motorista esperando alguém. O que este alguém estaria fazendo por alí com o carro oficial?
Receba Notícias por E-mail Imprimir Envie esta notícia a um amigo Aprimore esta informação, complete-aAprimore esta informação, complete-a Link:

Mensagem N° 46646
De: Jornal Estado de Minas Data: Qua 3/6/2009 08:37:18
Cidade: Belo Hoizonte
Rio - Leonardo Augusto, Luiz Ribeiro, Alessandra Mello e Daniel Antunes - A família do engenheiro Hilton Jadir Silveira Souza, de 50 anos, que estava no voo AF 447, embarcou ontem para o Rio de Janeiro. A informação da Air France para os familiares foi de que a lista dos envolvidos no acidente com a aeronave que seguia do Rio de Janeiro para Paris só será divulgada depois que todos os parentes de pessoas que estavam a bordo chegarem à capital fluminense. Abalados, eles ainda não pensam em processar a companhia aérea. Quatro irmãos do engenheiro, juntamente com a mãe, Raimunda Silva, a dona Dica, de 72 anos, deixaram Montes Claros no início da tarde de ontem em direção ao Rio, onde os parentes das vítimas do acidente estão sendo encaminhados para um hotel na Barra da Tijuca. Eles seguiram de carro até o aeroporto de Confins, de onde embarcaram em um avião para a capital fluminense. Outros três irmãos do engenheiro e o pai dele, o ferroviário aposentado José Norberto Silveira, o Zé Xila, permanecem em Montes Claros. No aeroporto de Confins, o irmão do engenheiro Danilo Silveira de Souza disse que, até então, não tinha nenhuma informação sobre as buscas. Somente ao chegar em Belo Horizonte soube que teriam sido encontrados destroços do avião. Contou que a mãe, que tem artrose, sentiu muita dor e passou mal durante a viagem de carro para BH. Dona Zica seguiu para o Rio com Leonir, Jorge e Amarildo, irmãos do engenheiro. Danilo disse que a família ainda não pensou em acionar a Justiça por causa do acidente que teria vitimado o irmão. “Ninguém pensa em nada disso ainda não. Até agora ninguém sabe o que aconteceu, só depois é que vamos pensar em tomar qualquer atitude”, disse. Danilo fala com carinho do irmão: “Ele era muito atencioso, muito dedicado, excelente pai e profissional . A empresa perdeu um grande profissional e principalmente a família perdeu um bom filho”, disse. Danilo conta que Hilton se formou com dificuldade e, depois de ter começado a trabalhar em um bom emprego, não esqueceu a família. “Constantemente, ele chegava de surpresa a Montes Claros pedindo para fazer churrasco. Ligava todas as vezes que estava no Mineirão e o Cruzeiro ganhava”, lembra. Funcionário da Petrobras, Hilton Jadir Silveira – casado e pai de dois filhos – mudou-se para o Rio de Janeiro há cerca de 20 anos, fixando residência no Bairro de Botafogo. Ainda de acordo com seus parentes, o engenheiro viajaria para Paris e de lá embarcaria em outro voo com destino a Berlim, a serviço. Depois, ainda ia até o Japão.
Receba Notícias por E-mail Imprimir Envie esta notícia a um amigo Aprimore esta informação, complete-aAprimore esta informação, complete-a Link:

Mensagem N° 46645
De: Jornal Estado de Minas Data: Qua 3/6/2009 08:34:42
Cidade: Belo Hoizonte
NÃO AO SUPERSALÁRIO - Luiz Ribeiro - O supersalário dos vereadores de Januária, a 603 quilômetros de Belo Horizonte, no Norte de Minas, está na mira da população e do Ministério Público Estadual. Os 10 parlamentares recebem mensalmente R$ 7.650, sendo R$ 4,9 mil de subsídio e R$ 2,7 mil de verba indenizatória. Moradores do município de 64,9 mil habitantes estão organizando um abaixo-assinado para exigir a redução do salário. O documento será entregue ao presidente da Câmara Municipal. Mensalmente, a Casa faz duas sessões ordinárias, o que equivale a R$ 3.825 por reunião. Pode-se considerar que os vereadores januarenses estão entre os mais bem pagos do país. Desde domingo, o Estado de Minas mostra que a produtividade dos legislativos municipais nem sempre condiz com os altos salários. Paga-se muito e os benefícios para a cidade são poucos. A verba indenizatória dos vereadores de Januária está sob suspeita. O Ministério Público abriu procedimento para investigar a aplicação do uso do dinheiro, a pedido do prefeito Maurílio Arruda (PRTB). Numa situação inusitada, o prefeito – que tem maioria na Câmara – diz que sua intenção é “ajudar” os vereadores a aplicar corretamente os recursos públicos. Questionado se a solicitação que fez ao MP não poderia ser interpretada como retaliação ao Legislativo, Arruda respondeu: “Pelo contrário, o meu objetivo é apenas otimizar a aplicação em defesa do interesse público.” O prefeito tem um dos maiores salários do estado: R$ 15 mil, ultrapassando o subsídio do presidente Lula (R$ 11,4 mil) e do governador Aécio Neves (R$ 10,5 mil). Apesar de garantir que não recebeu nenhuma denúncia apontando suspeita de desvio da verba de gabinete, o prefeito afirma que o pedido de investigação está dentro de um pacote de medidas que visam a garantir a aplicação correta de dinheiro público no município. Nos últimos cinco anos, Januária virou notícia nacionalmente devido a denúncias de desvio de dinheiro público e outras irregularidades. Desde o fim de 2004 houve sete trocas no comando da prefeitura, sendo cinco motivadas por denúncias de corrupção. Nesta semana, o Ministério Público Federal entrou com representação contra três ex-prefeitos por envolvimento com a máfia dos sanguessugas, esquema fraudulento de venda de ambulâncias a preços superfaturados e pagas com recursos de emendas orçamentárias. O promotor Felipe Gomes, da comarca de Januária, confirmou que recebeu o pedido do gabinete do prefeito e que abriu procedimento para verificar como está sendo aplicada a verba de gabinete pelos vereadores. Ele solicitou à presidência da Câmara Municipal que envie ao Ministério Público documentação que comprove o uso da verba, destinada ao custeio de despesas como gasolina, telefone e correspondências, além de pagamento de assessores contratados pelos vereadores. Foi dado prazo de 10 dias ao Legislativo para responder ao questionamento. O promotor quer averiguar se a verba está sendo usada devidamente. Ontem, o EM tentou falar com o presidente da Câmara, Adelson Batista Magalhães (PMDB). Mas sua assessoria informou que ele estaria em Belo Horizonte. Adelmo também não atendeu o celular. O vice-presidente Manoel Messias Rodrigues Passos (PRP) também não foi localizado para falar sobre o assunto.
Receba Notícias por E-mail Imprimir Envie esta notícia a um amigo Aprimore esta informação, complete-aAprimore esta informação, complete-a Link:

Mensagem N° 46644
De: Jornal Hoje em Dia Data: Qua 3/6/2009 08:23:11
Cidade: Belo Hoizonte
Família quer enterro em Moc - Leida Reis Editora Cláudia Rezende, Cláudio Ramos e Girleno Alencar Repórteres - A família do engenheiro Hilton Jadir Silveira de Souza espera fazer o enterro dele no Cemitério de Montes Claros. Gildásio, o Denda, explicou ao HOJE EM DIA que espera que a esposa dele, a psicóloga Maria das Graças atenda ao pedido da família e permita o enterro em solo montes-clarense. Ontem, a mãe de Hilton, Raimunda Silveira de Souza, de 73 anos, e os irmãos, Leonir, Amarildo e Jorge, embarcaram, às 19h10, no voo da Gol para o Rio de Janeiro, onde vão acompanhar às buscas pelos destroços do avião. Raimunda Silveira, sentiu-se mal durante a viagem e se emocionou ao passar pela Avenida Augusto de Lima e ao chegar no Aeroporto de Confins, pois, segundo o filho Danilo Silveira Souza, 50 anos, são lugares que faziam a mãe lembrar do filho engenheiro. “Ninguém sabe ainda o que fazer, pois ninguém sabe o que aconteceu. Estamos todos abalados”, disse Danilo, que dirigiu o carro de Montes Claros, no Norte de Minas, até o Aeroporto de Confins. Ele decidiu ficar na capital por alguns dias. A prima de Hilton, Cláudia Carneiro, 47 anos, emocionada, lembrou que, na Petrobras, o engenheiro era chamado de Jadir, mesmo apelido dado pela sua mãe. “Ele era um homem muito bom, nas férias levava os sobrinhos para a casa que tinha em Búzios e bancava as festas”, lembrou. Antes da viagem, Dona Raimunda explicou que nunca deixa o telefone celular quando sai, mas no sábado, foi à igreja e deixou de levar o aparelho. O filho telefonou no seu celular para comunicar que estaria viajando para o Japão e faria escala em Paris e na Alemanha. Ela não atendeu e Hilton conversou com a irmã Leonir. Ele telefonou depois para o aparelho fixo da casa, mas não encontrou a mãe. “No domingo, senti uma dor no peito e meus filhos falaram que era gases. Eu neguei, pois sabia que era uma coisa diferente e maior”, explicou a dona de casa, que acredita que o filho está vivo. Hilton tinha marcado seu retorno ao Brasil para ontem, pois queria estar hoje em Curitiba, onde se encontraria com o sobrinho Gustavo Norberto Avelino.
Receba Notícias por E-mail Imprimir Envie esta notícia a um amigo Aprimore esta informação, complete-aAprimore esta informação, complete-a Link:

Mensagem N° 46643
De: Wanderlino Arruda Data: Qua 3/6/2009 08:07:24
Cidade: Montes Claros/MG
E-mail: arrud@wanderlino.com.br
PORTUGUÊS, LINGUA LUSO-BRASILEIRA

Wanderlino Arruda

Segundo o professor Silvio Elias, a língua nasce como um produto da cultura, da alma de um povo, da sua filosofia, da sua lógica. E perdura enquanto a cultura perdurar. E é aí, entretanto, que é preciso contar com o fator homem, e não julgá-las, como fez Splenger, mero produto de forças históricas misteriosas e fatais. Claro que o homem, quanto mais bem dotado intelectualmente, quanto mais senhor das leis da natureza, quanto mais civilizado, maior poder exerce sobre as culturas. A língua, não existindo por si mesma, mas só no homem que a emprega, terá de adaptar-se ao seu estilo, e será como ele lerda ou ágil, majestosa ou vulgar, vivaz ou petrificada, uma espécie de espelho da realidade de cada povo, de cada região. Assim, a língua representa o próprio homem, sua condição social o local onde nasce e vive, seu grau de cultura. Representa também os sentimentos, a coragem, a força de vontade, as condições de saúde, o patriotismo, até a religião. Do povo depende a língua, que pode ser oculta, vibrante, civilizada ou vulgar. Dependendo dele, ela pode ser também romântica, lírica, política ou simplesmente comercial, opaca como o barro ou transparente e translúcida como o orvalho. No Brasil, falamos e escrevemos a língua portuguesa, é claro, a nosso modo, principalmente depois do brado de independência do grande brasileiro José de Alencar, misto de ufanismo e exaltação patriótica, verdadeiro minerador dos sentimentos dos trópicos selvagens de nossa terra, venha a inspiração das aldeias indígenas ou das ruas movimentadas de nossas metrópoles. Quatrocentos anos depois de trazida para cá, surgiram, como teria de surgir, considerável número de diferenciações, deu modalidades de expressão, de indisciplina espontânea tão própria à alma do nosso povo. E o romântico e bem brasileiro Alencar, criador de Iracema e de Poti, escrevendo bonito, foi quem melhor viu, anteviu e transformou literariamente em nova realidade. Mesmo fora do Brasil, na mãe-pátria portuguesa, no local da invenção, nossa língua não permaneceu estacionada, não se estratificou, como aliás, não poderia acontecer com nenhuma língua. Evoluiu como tinha de evoluir, mercê principalmente da alma conquistadora de amantes da descoberta e descortino de novos horizontes. Se é verdade que já não falamos a mesma língua de D. Sancho ou de D. Diniz, Camões também já não a falava, assim como Camilo ou Eça não se expressavam como Camões. Em Olavo Bilac, já bem diferente, encontramos música, lirismo, amor às tonalidades puras, versos com novo colorido verde-amarelo da paisagem brasileira. De Vieira, mais brasileiro que português, até Guimarães Rosa, outra grande distância. E porque não falar da metamorfose existente entre a poesia de Sá de Miranda e a de Carlos Drummond de Andrade e a de Cecília Meireles e Adélia Prado? Tudo boa gente falando a mesma língua, só que com tempero diferente. Sei que muita gente comenta que nossa língua está se acabando aos poucos, está sendo impiedosamente destruída pelos que falam ou escrevem mal, pelos que a deturpam, pelos que a não respeitam. Será que isso é verdade? Não terá a língua um automático instrumental de defesa da sua própria sobrevivência? Não sejamos apressados no julgamento, não sejamos injustos. Potencial vivo e vivificante, a língua portuguesa já, a esta altura, com quase um milênio de história, dos quais a metade no Brasil, ainda terá muito de que falar, ainda será objeto de muito estudo, contará com defesas e ataques neste nosso admirável mundo novo das comunicações. Melhor ler e prestar muita atenção em muitos dos nossos autores - sejam em jornais, revistas ou livros - que estão aí erigindo, com perfeição, grandiosos monumentos do nosso bonito e musical idioma, seja com tonalidade lusa, seja com os tons brasileiros. Tanto em prosa como em poesia, ora pois!
Instituto Histórico e Geográfico de Montes Claros
Receba Notícias por E-mail Imprimir Envie esta notícia a um amigo Aprimore esta informação, complete-aAprimore esta informação, complete-a Link:

Mensagem N° 46642
De: Petrônio Braz Data: Qua 3/6/2009 07:59:45
Cidade: Montes Claros/MG
E-mail: petroniobraz@hotmail.com
Célio Barroso
Estive vendo e admirando os quadros e as esculturas em pedra do pintor e escultor Célio Barroso, em exposição no Centro Cultural, ali na Praça da Matriz. Célio Barroso é diplomado pela Escola Nacional de Belas Artes da UFRJ e reside, atualmente, em Glaucilândia, desenvolvendo atividades voltadas para a divulgação de seu trabalho e educação artística de jovens.
Ele tem exposto seus trabalhos em várias outras cidades, inclusive no exterior. É também escritor, voltado para a literatura infantil, tendo publicado, entre outros: “O menino das brincadeiras”, livro que representou a literatura infantil nacional em amostra realizada em Atenas, na Grécia e “Mimosa a bezerrinha formosa”, livro que foi apresentado em Bolonha (Bologna), na Itália. “Caburé no Jardim Zoológico” e “Bruxa Gamburu” são outras produções literárias de Célio Barroso.
Todos os domingos, durante a Feira de Artesanato, que se realizada na Praça da Matriz, ele se faz presente expondo seus trabalhos e ministrando gratuitamente aulas de pintura.
Receba Notícias por E-mail Imprimir Envie esta notícia a um amigo Aprimore esta informação, complete-aAprimore esta informação, complete-a Link:

Mensagem N° 46636
De: BEBELA Data: Ter 2/6/2009 19:59:25
Cidade: MONTES CLAROS
Aos domingos participo da missa na Igreja Nossa Senhora Rosa Mistica, neste último domingo(31/05/2009), logo após a missa fui surpreendida com ato de violência praticado por um jovem que fica tomando conta dos carros na pracinha , ele riscou toda a lateral do meu carro e ainda assinou o seu nome no capô do mesmo, com a certeza de impunidade eles vão espalhando terror por onde andam,não temos paz nem quando vamos prestar o nosso culto a Deus,fiquei aborrecida, denuncio o fato,mas o problema não é meu é dele de ter um coração tão ruim.
Receba Notícias por E-mail Imprimir Envie esta notícia a um amigo Aprimore esta informação, complete-aAprimore esta informação, complete-a Link:

Mensagem N° 46631
De: WAL CRUZ Data: Ter 2/6/2009 17:42:32
Cidade: MONTES CLAROS  País: brasil
E-mail: wallcruz@pop.com.br
Nome: WALQUIRIA
E-mail: WALLCRUZ@POP.COM.BR
Telefone: (38) 88068316
Carta enviada a Ouvidoria do Hospital Aroldo Tourinho - Montes Claros, 02 de junho de 2009. Prezado(a) Senhores(as) da Ouvidoria do Aroldo Tourinho- Venho através desta manifestar minha INDIGNAÇÃO/REVOLTA sobre o atendimento de emergência/urgência desta unidade do Haroldo Tourinho.
Fatos: Compareci a unidade de emergência às 03h30min da madrugada de domingo para segunda, com minha mãe- Mª de Lourdes Cruz Almeida, sentindo muitas dores nas costas, peito, braços e vômito, fizemos a ficha e fomos encaminhados para a triagem, onde conversamos com um enfermeiro que não se apresentou - motivo pelo qual não sei o seu nome –(alto, moreno e de óculos).Ele fez algumas perguntas, e deduziu-se que no caso da minha mãe, não era nenhuma “coisa” urgente, assim ele coloriu a ficha de verde e colocou no braço dela uma pulseira na cor verde, e pediu para aguardarmos que iríamos ser atendidos, esperamos por vários minutos e nada, perguntei ao atendente porque estava demorando tanto - ele me disse que como o caso não era de urgência o medico só desceria 120 minutos depois, minha mãe morrendo de dor, gritando de dor, E para o tal enfermeiro não era nada urgente e nem para o médico um tal de (...), fui ate o atendente e pedir de novo para ele chamar o medico pelo estado de gravidade e dor que ela se encontrava, e ele disse que não adiantaria porque o medico não ia descer, detalhe só tinha nos duas no pronto atendimento. Revoltada com a demora e a situação, procurei outro hospital Santa Casa, já que apesar dos imposto etc e tal, tive que pagar uma consulta, para ser bem e prontamente atendida, imediatamente o medico solicitou um eletrocardiograma.Enfim minha mãe estava tendo um enfarto, na hora foi conduzida para fazer um cateterismo e uma angioplastia, e agora se encontra em uma CTI. Ai fica minha dúvida/pergunta/indignação e vários outros adjetivos.... Será que eu teria que esperar na porta do Hospital Haroldo Tourinho ate minha mãe morrer e entrar para a estatística mais uma que morreu na porta do hospital???Ou será que seria melhor colocar funcionários capacitados e gabaritados para fazer um diagnostico preciso????????Ou médicos que valorizassem a vida humana??Será se fosse a mãe dele a chorar de dor, ele teria a mesma reação?????
Bom, gostaria que a ouvidoria do Aroldo Tourinho tomasse providência sobre este assunto, e espera que tanto o enfermeiro quanto o médico seja advertido, e no mínimo um pedido de retratação.Aguardo resposta.. Walquíria Cru
Receba Notícias por E-mail Imprimir Envie esta notícia a um amigo Aprimore esta informação, complete-aAprimore esta informação, complete-a Link:

Mensagem N° 46626
De: Regina cabral Data: Ter 2/6/2009 15:15:28
Cidade: Cataguases/MG
E-mail: rcabral118@gmail.com
Titulo da notícia: Família confirma que montesclarense, de 50 anos, engenheiro da Petrobras, está no Airbus desaparecido
Comentário: Quero parabeniza-los pelas informações passadas a nós internautas...Moro em Cataguases ha 27 anos, mas estou sempre por dentro das noticias da minha querida Montes Claros, e hj pela manha tive a triste noticia que um montesclarense estava nessa tragedia com o Air France... Deixo aqui um abraço de conforto a familia de Hilton
Receba Notícias por E-mail Imprimir Envie esta notícia a um amigo Aprimore esta informação, complete-aAprimore esta informação, complete-a Link:

Mensagem N° 46625
De: Jornal O Tempo Data: Ter 2/6/2009 14:16:28
Cidade: Belo Horizonte
Acidente com ambulância faz paciente voltar para hospital em Montes Claros - Karina Alves - O motorista de uma ambulância de Coração de Jesus, no Norte de Minas, se envolveu em um acidente que deixou o paciente que ele transportava ferido. De acordo com a Polícia Rodoviária Federal (PRF), a ambulância seguia pela BR 365, em Montes Claros, em direção a Coração de Jesus. Na altura do Km 9, ainda em Montes Claros, o carro rodou na pista e entrou no meio de uma plantação. O acidente deixou um paciente que estava sendo transportado ferido. Ele foi conduzido para a Santa Casa de Montes Claros com ferimentos leves, ainda de acordo com a PRF. O acidente aconteceu na última segunda-feira e, de acordo com a PRF, chovia no momento. O motorista da ambulância não teve ferimentos.
Receba Notícias por E-mail Imprimir Envie esta notícia a um amigo Aprimore esta informação, complete-aAprimore esta informação, complete-a Link:

Mensagem N° 46616
De: Maria Leite Data: Ter 2/6/2009 10:40:34
Cidade: montes claros
Morreu nesta manha num acidente de carro o Jovem Álvaro Allan uma pessoa honesta e de bom coração vai com deus Allan
Receba Notícias por E-mail Imprimir Envie esta notícia a um amigo Aprimore esta informação, complete-aAprimore esta informação, complete-a Link:

Mensagem N° 46615
De: CARLOS ALBERTO JR Data: Ter 2/6/2009 10:10:08
Cidade: Jaiba  País: Brasil
E-mail: jaibaemprimeirolugar@ig.com.br
Prezado leitores e autoridades que leem este mural, se a situação em Montes Claros e lastimavel com todo este aparato policial de existe ai, faço ideia aqui na minha cidade que a força policial é limitada, olha so o sinopse de 05 dias quarta feita rapaz e baleado em frente escola,sexta feira PM mata foragido de Moc, sabado rapaz é atigido por 05 tiros em via publica, domingo arruaceiros tenta contra PMs que atinge 02 deles, segunda rapaz é sequestrado e achado morto com varios tiros com a palavra as autoridades.
Receba Notícias por E-mail Imprimir Envie esta notícia a um amigo Aprimore esta informação, complete-aAprimore esta informação, complete-a Link:

Mensagem N° 46611
De: PM Data: Ter 2/6/2009 09:09:31
Cidade: M. Claros
BO 30.598/09: Desde a madrugada de hoje, a polícia procura por dois homens acusados de assassinar uma pessoa no bairro Maracanã.O fato aconteceu ás 01h42 de hoje, terça-feira, dia 02, na Praça Beato Francisco Coll, no bairro Maracanã. Segundo testemunha, se encontrava na Praça em companhia da vitima Pablo Hebert Santos Martins, 18 anos, churrasqueiro, que residia na Vila Campos. Quando estavam saindo do local em sua motocicleta, foram surpreendidos por dois homens, um deles com um revolver de calibre desconhecido em punho, teria se aproximado da vitima e, esta tentou arrancar com a moto, momento em que ele efetuou um disparo contra a mesma, que foi atingida há alguns metros adiante, vindo a cair com a motocicleta.Ainda conforme a testemunha, eles teriam fugido a pé pelas ruas do bairro. O SAMU compareceu ao local e constatou o óbito da vitima. O perito realizou os trabalhos de praxe, constatando uma perfuração na altura da testa do lado esquerdo, tendo em seguida o referido perito liberado os pertences da vitima para o seu genitor, em seguida o corpo foi liberado para o IML. O caso está sendo investigado.
Receba Notícias por E-mail Imprimir Envie esta notícia a um amigo Aprimore esta informação, complete-aAprimore esta informação, complete-a Link:

Mensagem N° 46609
De: ? Data: Ter 2/6/2009 08:08:26
Cidade: MONTES CLAROS -MG  País: BRASIL
moradores do bairro e da praça do maracanã pedem socorro!! na madrugada de hoje 02/06/2009, foi morto um grande trabalhador,o nosso querido amigo pablo (zói) trabalhador,que acabara de coprar uma moto, trabalhava em uma lanchonete no centro,tinha acabado de tirar a sua carteira de carro (b),e estava preste a tirar a de moto(a), enquanto estava sentado no banco da famada " praça do maracanã) com a sua namorada curtindo o pouco tempo que lhe restava,chega dois bandidos e tentam o roubar a sua moto e o executa,com um tiro na cabeça, foi uma perda e tanto,ontem por volta das 11hrs e 40 da manhã estive conversando com ele,estava tao feliz com seu relacionamento,estava muito feliz mesmo,fiquei muito chocado quando recebi a noticia hoje de manhã que ele tinha morrido pois ontem a gente tava comentando a morte de outro amigo da gente que morreu de acidente!! os moradores do maracanã, pede a prefeitura,autoridades, o que for pra resolver os nossos problemas no bairro, aqui mesmo a gente ver tanta violencia...(...)só esse ano a praça do maracanã teve tiroteios,(...),tentativa de homicídio, a morte do "pedrinho bracinho" a menos de 3 semanas,e agora a morte do pablo um rapaz trabalhador??? (...) o maracanã fez recebeu 10 viaturas aqui a menos de um mes,e nenhuma veio para o bairro,tá tudo parada na rodoviária!! queremos uma só palavra, segurança...pra ir a missa,pra ir no lanche,pra passear,chegar do trabalho de madrugada... e etc..
Receba Notícias por E-mail Imprimir Envie esta notícia a um amigo Aprimore esta informação, complete-aAprimore esta informação, complete-a Link:

Mensagem N° 46605
De: Jornal Estado de Minas Data: Ter 2/6/2009 07:25:13
Cidade: Belo Horizonte
Família de engenheiro mantém esperança - Luiz Ribeiro - Um dos passageiros do voo AF 447 da Air France que desapareceu é o engenheiro Hilton Jadir Silveira Souza, de 50 anos, mineiro de Montes Claros (Norte de Minas), onde sua família passou o dia cheia de angústia ontem, em busca de notícias sobre o avião. Funcionário da Petrobras, Hilton mora no Rio de Janeiro há cerca de 20 anos, mas sempre mantém contato com a terra natal, visitando a família constantemente. Casado e pai de dois filhos, Hilton tem sete irmãos, filhos do ferroviário aposentado José Norberto Silveira, o Zé Xila. De acordo com parentes, ele viajava a Paris, de onde embarcaria em outro voo com destino a Berlim, cidade que visitaria a trabalho. Depois, ainda viajaria até o Japão. Ontem, a casa de seus familiares, no Bairro Santa Rita, estava muito movimentada, com algumas pessoas manifestando solidariedade e outras querendo saber notícias sobre o desaparecimento do Airbus 330. Apesar das notícias divulgadas pela imprensa em todo o mundo, dando conta de que eram remotas as chances de encontrar sobreviventes, o operador de telemarketing Jorge Ferreira de Souza, um dos irmãos de Hilton, afirmou que mantinha a esperança de que o engenheiro pudesse escapar com vida. “Estamos muito chocados. Mesmo assim, temos esperança. Para Deus, nada é impossível.” Por outro lado, “estamos cientes de que tudo pode acontecer. Está nas mãos de Deus”. Jorge revelou que recentemente Hilton enfrentou turbulência em um voo de Ribeirão Preto para o Rio de Janeiro. “Ele disse que ficou apreensivo. Mas eu mesmo lhe disse que não deveria mais se preocupar, pois o pior já havia passado”, afirmou Jorge, salientando que o irmão nunca havia demonstrado antes ter medo de avião. O operador de telemarketing disse que seu irmão ligou sábado para sua mãe, Raimunda Silva, a dona Dica, de 72 anos, falando da viagem que faria à Europa e ao Japão, a serviço da Petrobras. “Mãe, fique tranquila que, logo que voltar da viagem, vou a Montes Claros visitar a senhora e o pessoal aí", teriam sido as últimas palavras do engenheiro, ao se despedir por telefone. Ele esteve na terra natal pela última vez em março, quando participou de um churrasco com a família e amigos. Uma semana depois, assistiu a uma partida de seu time do coração, Cruzeiro, contra o Estudiantes, no Mineirão, em Belo Horizonte.
Receba Notícias por E-mail Imprimir Envie esta notícia a um amigo Aprimore esta informação, complete-aAprimore esta informação, complete-a Link:

Mensagem N° 46600
De: Luiz Ortiga Data: Seg 1/6/2009 22:13:36
Cidade: Brasília DF
Titulo da notícia: Presidente Lula prepara anúncio de descoberta de gás no Norte de Minas que livrará o Brasil da dependência da Bolívia
Nome: Luiz Ortiga
E-mail: luizortiga@gmail.com
Cidade: Brasilia/DF/MG
Comentário: Há tempos comentei aqui sobre a descoberta de um lençol gasífico de formato triangular,onde Montes Claros é um dos vértices. Os outros são Araxá e Belo Horizonte.Levantamentos feitos pelo governo mineiro faz o Brasil indepenmdente e Montes Claros uma cidade riquíssima. Há petróleo pelo vale do São Francisco. Os moradores andam quilometros para apanhar água no rio, pois nos sítios, a água das cisternas têm gosto de querosene. Deus é brasileiro!!!!!!!!
Receba Notícias por E-mail Imprimir Envie esta notícia a um amigo Aprimore esta informação, complete-aAprimore esta informação, complete-a Link:

Mensagem N° 46583
De: Aristeu Data: Seg 1/6/2009 15:06:39
Cidade: Brasília DF
Eis a lista, extra-oficial, dos passageiros do Airbus desaparecido, liberada até o começo da noite:

* Adriana Francisco Sluijs, 40, da área de comunicação corporativa da Petrobras
* Ana Carolina Rodrigues, 28, integrante da ONG Viva Rio
* Andrés Suárez Montes, 38, engenheiro espanhol que trabalhava no Brasil
* Antonio Gueiros, diretor de informática da Michelin
* Bianca Machado Cotta
* Carlos Eduardo Macário de Melo, recém-casado com Bianca
* Christin Pieraerts, funcionária da unidade Paris da Michelin
* Deise Possamai, 34, funcionária da prefeitura de Criciúma
* Erich Heine, presidente da ThyssenKrupp CSA - Companhia Siderúrgica do Atlântico
* Giovanni Batista Lenzi, deputado da Província Autônoma de Trento
* Gustavo Henrique Brito dos Santos, 30, advogado carioca
* Gustavo Peretti, 30, brasileiro, funcionário da petrolífera norueguesa StatoilHydro.
* Harald Maximillian Winner, 44, alemão que iria providenciar documentos para se casar
* Izabela Maria Furtado Kestler, professora de alemão da UFRJ
* Isis, francesa, mulher de José Ronnel Amorim
* João Marques da Silva Filho, 67, gerente de interface do Estaleiro Atlântico Sul
* José Ronnel Amorim, casado com Isis
* Juliana Aquino, 29, cantora, mora na Alemanha e passava férias com a família em Brasília
* Leonardo Veloso Dardengo, 31, oceanógrafo e doutorando da Coppe/UFRJ
* Letícia Chem, 36, gerente de roaming internacional da operadora Oi
* Luigi Zortea, prefeito de Canal San Bovo, em Trento (Itália)
* Luis Cláudio Monlevad, 48, funcionário da empresa de tubulações Saint-Gobain
* Luiz Roberto Anastácio, presidente da Michelin para a América do Sul
* Kristian Berg Andersen, 37, norueguês, também funcionário da petrolífera norueguesa StatoilHydro.
* Marcela Marques Pellizzon, 29, geóloga; viajava para fazer curso na Noruega e era funcionária da petrolífera norueguesa StatoilHydro.
* Marcelo Parente, 38, chefe de gabinete do prefeito do Rio, Eduardo Paes (PMDB)
* Marcos Mendonça, diretor de manganês da Vale
* Mulher de Marcelo Parente, cujo nome não foi confirmado
* Martin, 29, médico alemão em férias no Brasil
* Nelson Marinho Filho, 40, mecânico de engrenagens
* Octávio Augusto Ceva Antunes, professor do Instituto de Química da UFRJ
* Pablo Dreyfus, 38, argentino integrante da ONG Viva Rio
* príncipe Pedro Luis de Orleans e Bragança, 26, descendente de dom Pedro 2º
* Rino Zandonai, diretor da Associazione Trentini Nel Mondo
* Roberto Corrêa Chem, 66, cirurgião plástico e professor universitário
* Silvio Barbato, ex-diretor artístico da Orquestra Sinfônica do Teatro Nacional
* Valnilzia Betler, 44, casada com um alemão
* Vera Chem, 63, psicóloga, casada com Roberto Chem
Receba Notícias por E-mail Imprimir Envie esta notícia a um amigo Aprimore esta informação, complete-aAprimore esta informação, complete-a Link:

Mensagem N° 46582
De: Geraldo Data: Seg 1/6/2009 14:50:11
Cidade: M. Claros- MG
A incomum chuva de junho em M. Claros voltou a acontecer em pontos diferentes da cidade, no começo da tarde. Chove também nas cercanias da cidade e provavelmente nos municípios vizinhos, quiçá no N de Minas.
Receba Notícias por E-mail Imprimir Envie esta notícia a um amigo Aprimore esta informação, complete-aAprimore esta informação, complete-a Link:

Mensagem N° 46581
De: Yvonne Silveira Data: Seg 1/6/2009 14:49:57
Cidade: Montes Claros/MG

Envelhecemos, Rosita

Yvonne Silveira

Envelhecemos. Você, um pouco menos e, nesta data significativa dos noventas anos, vejo-a, na tela do relembrar, com a mesma alegria, a voz tranqüila, segurança na arte de ensinar, transmitindo exemplos e conhecimentos. Estávamos na maturidade, em pleno saber.
Pois só os contínuos estudos, por dias e dias, preparam o domínio da língua portuguesa para transmiti-la aos jovens alunos, bons alunos, na maioria, daqueles distantes dias da Escola Normal.
Turmas de trinta e cinco alunos, tínhamos cinco marcadas pelas letras do alfabeto. De uma sala, passávamos para outra. Pequeno intervalo, para um lanche, comentários. Amizades estreitavam-se. Volta as aulas e, finalmente, 11h30, retorno ao lar. Correção de provas e exercícios, até pela madrugada.
Nada de reclamações ou cansaço. A receptividade dos alunos, a amizade, o respeito, a confiança em nós, compensavam a labuta.
D. Rosita é excelente professora, diziam, e ai de quem ousasse negar. Walkiria, sua filha, que era minha aluna protestava: Minha mãe é a maior autoridade em língua portuguesa. Ninguém sabe mais do que ela.
E você, intimamente agradecida, reclamava: Você me enche de vergonha. Não diga isto. Era próprio da estabanada, mas inteligente e sincera Walquiria, Theago, Cláudio e Virgínia, educados, também, eram meus alunos.
Como era agradável o nosso viver, na profissão. O arco do tempo foi-se alargando, crescendo. Aposentadoria, vitórias com a família,outras lides, lazer.
E ei-nos a aproximar do limiar do túnel.
Perdemos os companheiros – o amor maior... Você bem antes, eu, agora, ferida aberta, lágrimas sem fim, a lembrar das reflexões de Bassuet em “Tout nos Apelle a la Mort”: Qu’est-se donc que ma substance, ó grand Dieu? J’entre dans l avie pour sortir bientôt. Je viens me montrear comme lês autres; après il faudra disparaite. (...) Ó Dieu, encore une fois, qu’est-ce que de nous?”
E é desencantada que vejo passar os dias, razão da ausênica a festa de celebração dos noventa anos, com os filhos, os netos, os parentes, os amigos.
Compartilho, porém, da sua alegria, Rosita, vendo-a, não marcada pelos anos vividos e, sim, com a mesma suave beleza de quem sabe doar amor, com a mesma ternura de mãe e amiga, com a mesma fortaleza daqueles dias em que trabalhávamos como jovens, mas com a sabedoria dos amadurecidos, você, eficiente e responsável, como lago, sem ondas do mar, de arrebatamentos viscerais. Simplesmente, a querida mestra Rosita.
Parabéns e o abraço de felicidades da colega e amiga.

(A professora Yvonne Silveira, de 96 anos, é presidente da Academia Montesclarense de Letras. Foi, durante décadas, professora de português, na antiga Escola Normal Oficial. É escritora, com vários livros publicados. Nascida em Francisco Sá, é um dos maiores nomes da história de Montes Claros. Participa, ativa e alegremente, de todas as atividades às quais é chamada, numa permanente disponibilidade que encanta a todos)
Receba Notícias por E-mail Imprimir Envie esta notícia a um amigo Aprimore esta informação, complete-aAprimore esta informação, complete-a Link:

Página Anterior >>>

Abra aqui as mensagens anteriores:


Voltar à Página Inicial

 






Um olhar de Montes Claros sobre o que é notícia em toda parte
Uma janela para Montes Claros


Últimas Notícias

20/08/14 - 18h
16ª rodada do Brasileirão começa hoje com 8 jogos

20/08/14 - 17h
Estudo inglês revela que 703 mil idosos vão se sentir isolados do mundo por causa da internet

20/08/14 - 16h
Hoje, às 22 horas, contra o Flamengo, Atlético busca o G-4 no Brasileirão, com transmissão pela 98 FM

20/08/14 - 15h
Manchetes dos jornais: “A cada 10 pessoas, nove reprovam a saúde no país” - “Ex-médico condenado por 48 estupros é preso no Paraguai” - Com vice do PSB gaúcho, Marina entra na campanha”

20/08/14 - 14h
Umidade do ar em 45% e ventos de 13 km na previsão para hoje em Montes Claros

20/08/14 - 13h
Ministério Público impugnou 4.100 candidaturas, 497 pela Lei da Ficha Limpa

20/08/14 - 12h
Silvio Santos nega conhecimento sobre fraudes no Panamericano: “Me diziam que o banco era uma maravilha”

20/08/14 - 11h
Namorado atira 4 vezes contra a namorada , mas a arma falha

20/08/14 - 10h48
"Em nota a Secretaria de Educação informa que está atuando junto à Polícia Civil para elucidar o caso"

20/08/14 - 10h
Este vídeo, de prédio próximo, mostra o jatinho que matou Eduardo Campos caindo de bico, veloz como uma flecha. Depois, o cogumelo de fumaça

20/08/14 - 9h
Para Conselho Federal, 93% dos brasileiros estão insatisfeitos com serviço de saúde; 29% aguardam atendimento há 6 meses

20/08/14 - 8h
Médico de 52 estupros e 278 anos de cadeia vivia em mansão de luxo no Paraguai

20/08/14 - 7h
Custo de produzir no Brasil é 23% mais caro do que nos EUA


19/08/14 - 18h
Brasileirão tem em 2014 a menor média de gols em mais de 20 anos

19/08/14 - 17h16
Cheques sem fundos batem recorde em julho, aponta Serasa

19/08/14 - 16h
Geração de empregos formais em 2013 foi a 2ª pior desde 2003 – admite Ministério do Trabalho

19/08/14 - 15h
Manchetes dos jornais: “427 menores infratores reincidentes estão soltos nas ruas de Minas” - “Marina bate Aécio no 1º turno e Dilma no 2º, diz o Datafolha” - “Marina garante 2º turno e liga alerta de PT e PSDB”

19/08/14 - 14h
Semana vai ser de baixa umidade do ar em Montes Claros

19/08/14 - 13h
Dunga renova a seleção e chama cruzeirense artilheiro do Brasileirão em 1ª convocação

19/08/14 - 12h
Há 427 menores infratores, reincidentes, soltos nas ruas de Minas - divulga Defesa Social

19/08/14 - 11h
Acidente entre carro e trator mata tio e dois sobrinhos perto de Joaquim Felício, a 134 km de M. Claros

19/08/14 - 10h
Papa diz que tem "2 ou 3 anos" de vida; seu sobrinho bate carro, na Argentina, e 2 filhos morrem

19/08/14 - 9h
Dunga faz hoje sua 1ª convocação após o retorno ao comando da seleção

19/08/14 - 8h20
Bairros de Montes Claros podem continuar sem água até às 8 horas de quarta-feira, admite a Copasa. Veja quais

19/08/14 - 8h
Fabricante de avião de Eduardo Campos havia alertado para risco em subidas

19/08/14 - 7h
Campanha política começa e ocupará mais de 3 horas diárias no rádio e na TV


18/08/14 - 18h
Inscrições para bolsas remanescentes do ProUni vão de hoje até o dia 1º de dezembro

18/08/14 - 17h
Petrobras tem vagas para programa de estágio em Minas e outros 20 estados. Inscrição vai até 14 de outubro

18/08/14 - 16h
Lotofácil da Independência já recebe apostas em prêmio que pode chegar a 80 milhões de reais

18/08/14 - 15h
Manchetes dos jornais: - “Marina empata com Aécio no 1º turno e com Dilma no 2º” - “Adeus a Campos redefine eleição”- “Cresce pressão por envio de caixa-preta aos EUA”

18/08/14 - 14h
Ventos de agosto chegam a 13 km, hoje, em M. Claros; previsão é de sol e temperaturas de 28 graus

18/08/14 - 13h
Cruzeiro se dá bem em sorteio das oitavas da Copa do Brasil. Atlético terá "pedreiras"

18/08/14 - 12h
Pesquisa conta mais de 536 mil mortos no trânsito brasileiro, de 2003 a 2012

18/08/14 - 11h01
Investigação sobre acidente com avião de Eduardo Campos pode demorar um ano, dizem peritos

18/08/14 - 10h
Tremor de até 6,2 graus no Irã, área de terremotos, deixa 250 feridos

18/08/14 - 9h
Sorteio das oitavas da Copa do Brasil será hoje e terá Cruzeiro e Atlético

18/08/14 - 8h40
"Viúva, não se dobrou como o junco à adversidade. Não perdeu a doçura, o entusiasmo, o charme, a voz suave, o leve sorriso, para continuar a vida. Que completa um século, mas tem muito mais caminho a percorrer"

18/08/14 - 8h
3 a 0 sobre o Santos devolve ao Cruzeiro a liderança do Campeonato Brasileiro

18/08/14 - 7h
Em 12 dias, avião da campanha de Eduardo Campos fez 19 voos


17/08/14 - 15h07
"... culpa os nossos Catopês pelo que não fizeram. O que fazem, fazem por 200 anos - cantam, dançam, louvam, exercitam sua pequena grande fé, no limite da nobreza e do sacrifício, na fronteira do esgotamento pessoal, físico, humano. (...) Muito provavelmente hoje ainda se encontrarão com a chuva, que veio buscá-los, e os espera, por trás da cortina do Morro dos Dois Irmãos"

17/08/14 - 9h35
"Um detalhe pressuroso, augúrio - na madrugada do Império do Divino, sábado, neblinou em Montes Claros. É bom presságio para o Dia de São Miguel, a 29 de setembro, quando vem a primeira e festiva chuva. Oxalá"

17/08/14 - 3h27
Empréstimo de calça (depois danificada) leva menina de 13 anos a matar amiga, de 16, em M. Claros


16/08/14 - 18h
Cruzeiro busca milésima vitória no Mineirão contra Santos, Grêmio e Chapecoense

16/08/14 - 17h
Atlético terá estréia de Rafael Carioca, neste domingo às 18h30, contra o Figueirense. A 98 FM vai transmitir o jogo

16/08/14 - 16h
Brasileirão entra na 15ª rodada com 2 jogos hoje e 8 amanhã

16/08/14 - 15h02
7 a 1 no ranking da Fifa: Alemanha está em 1º e o Brasil em 7º, atrás da Argentina, Holanda, Colômbia, Bélgica e Uruguai

16/08/14 - 14h
Manchetes dos jornais: “Marina dá aval ao PSB para encaminhar sua candidatura” - “Marina e PSB já discutem condições para sua candidatura” - “PSB e Rede fazem acordo e Marina sairá candidata”

16/08/14 - 13h
IML deve liberar, hoje à tarde, corpos de vítimas de jato que caiu em Santos. (O embarque aconteceu às 17h)

16/08/14 - 12h
Assaltantes tomam 16 mil reais, à tarde, no semáforo do Parque de Exposições. No Independência, empresa fica sem 98 mil reais

16/08/14 - 11h
Sem ganhador há 5 sorteios, Mega-Sena vai pagar 44 milhões de reais, hoje à noite. (Aposta de Dores do Indaiá, Minas, ganhou sozinha, com os n°s 20 - 26 - 32 - 41 - 45 - 57)

16/08/14 - 10h
Ventos e tempo ainda nublado na passagem do Império do Divino, hoje, pelo centro de Montes Claros

16/08/14 - 9h
Fifa faz críticas à seleção brasileira e diz que atuação contra a Alemanha foi “deplorável"

16/08/14 - 8h
Equipe dos EUA veio investigar acidente com jato que matou Eduardo Campos e mais 6

16/08/14 - 7h
Comandante da Aeronáutica afirma que piloto do avião de Eduardo Campos não reportou problema técnico


15/08/14 - 18h
Acidentes com aviões pequenos são mais frequentes e matam mais no Brasil – mostra levantamento do Cenipa

15/08/14 - 17h
Asteroide com 1 km de diâmetro pode atingir a Terra em 2880 e devastar a vida humana

15/08/14 - 16h20
Brasil tem só 6 universidades - USP, UFMG, UFRJ, Unesp, Unicamp e UFRGS - entre as 500 melhores do mundo

15/08/14 - 15h45
Oito razões para chorar (de alegria) quando passam os Catopês. Prestem atenção e aplaudam o carroceiro Expedito

15/08/14 - 15h
Manchetes dos jornais: “Família de Campos quer Marina, mas direção do PSB resiste” - “Aliados do PSB fazem pressão a favor de Marina” - “PSB deve indicar Marina, mas exigirá compromisso”

15/08/14 - 14h40
FAB revela que áudio da caixa-preta do avião de Eduardo Campos não é o do acidente

15/08/14 - 14h12
Copasa avisa que pode faltar água em 19 bairros de M. Claros, domingo, das 7 às 18 horas. Veja quais

15/08/14 - 14h
Coluna de jornal carioca diz que Jô Soares é tratado por oncologista, mas diretor afirma que ele "está ótimo"

15/08/14 - 13h
Avião de Eduardo Campos estava em “potência máxima” quando caiu, diz jornal

15/08/14 - 12h
No Reinado de São Benedito, hoje, tempo engana a meteorologia – era para ter sol, mas o dia está nublado em M. Claros

15/08/14 - 11h
Economia brasileira encolhe 1,2% no 2º trimestre, segundo prévia do Banco Central

15/08/14 - 10h
"Invalidado - Justiça anula concursos públicos da Copasa" - noticia jornal de BH

15/08/14 - 9h
Evangélico voltava da igreja quando foi morto a tiros, perto de casa. O alvo era o irmão

15/08/14 - 8h
Peritos investigam duas hipóteses para a queda do avião de Eduardo Campos - falha humana ou problema mecânico

15/08/14 - 7h
Aeronáutica investigará se pilotos do jato voaram mais tempo que o permitido em lei


14/08/14 - 18h
Agência Nacional de Saúde anuncia suspensão de 123 planos de saúde de 28 operadoras

14/08/14 - 17h
Família acredita que velório e enterro de Eduardo Campos devem ser realizados somente no sábado

14/08/14 - 16h
Manchetes dos jornais: “Morte trágica de Eduardo Campos muda o rumo da corrida presidencial” - “Acidente mata Campos e deixa cenário eleitoral mais incerto” - “Acidente mata Eduardo Campos; rivais preveem Marina candidata

14/08/14 - 15h
Polícia Federal investiga se queda de avião com Eduardo Campos foi apenas fatalidade

14/08/14 - 14h
Modelo de avião que transportava Eduardo Campos apresentou problemas no Paraná e nos EUA

14/08/14 - 13h
Para especialista, tempo chuvoso “dificilmente” causou queda do avião com Eduardo Campos

14/08/14 - 12h
De bicicleta, ladrões assaltam nos bairros Santa Maria e Augusta Mota. De moto, atacam posto de gasolina perto do Batalhão

14/08/14 - 11h
Reinado de Nossa Senhora do Rosário vai passar pelo centro de Montes Claros agora, a partir das 11 horas

14/08/14 - 10h43
PM relata novo assalto contra convento de irmãs de caridade: "...receberam informações que ali estaria ocorrendo um roubo e que algumas freiras estariam sendo mantidas reféns. O local foi cercado, tendo os..."

14/08/14 - 10h
Aeronave que caiu com Eduardo Campos era nova e foi vendida há 3 meses por grupo usineiro de Ribeirão Preto

14/08/14 - 9h
Piloto do avião que levava Eduardo Campos reclamou de cansaço um dia antes do acidente



OUÇA E VEJA A 98 FM
Todos direitos pertecentes a Rádio Montes Claros 98,9 FM. O material desta página
não pode ser publicado, transmitido por broadcasting, reescrito ou distribuído
sem prévia autorização