Receba as notícias do montesclaros.com pelo WhatsApp
montesclaros.com - Ano 23 - segunda-feira, 30 de janeiro de 2023

Condenada a 6 anos de prisão, ex-presidenta da Argentina não deverá ser presa em função dos 2 cargos que ocupa

Quarta 07/12/22 - 7h09

A notícia agitou a cena política interna da Argentina e teve forte repercussão nos países vizinhos:

- A vice-presidente da Argentina, Cristina Kirchner, foi condenada a seis anos de prisão.

- Também ficará inelegível.

- Foi declarada culpada em processo que investigava sua participação em esquema de fraude enquanto presidiu a argentina, entre 2007 e 2015.

- A presidente e funcionários do governo foram acusados de contratos milionários para obras rodoviárias incompletas, superfaturadas e desnecessárias.

- A atual vice-presidente disse que a condenação é inconstitucional e que há uma "máfia judicial" na Argentina.

- Condenada, não deverá ser presa, pois tem imunidades por ser vice-presidente e presidente automática do Senado da Argentina.

- Devido ao seu cargo, Cristina tem a imunidade legal de presidente. Na prática, ela só pode ir para a cadeia caso seja afastada por impeachment.

Compartilhe
Siga-nos nas redes sociais