Receba as notícias do montesclaros.com pelo WhatsApp
montesclaros.com - Ano 25 - sexta-feira, 12 de julho de 2024

(3 - Para ler na sequência): Menor de 13 anos é apreendido por matar outro, de 15, que nadava no Rio de S. Francisco, na Galileia. Foi homicídio premeditado, concluiu a Polícia Civil

Terça 26/09/23 - 17h35

Divulgação da Polícia Civil:

Januária: Polícia Civil apreende adolescente por homicídio

A Polícia Civil de Minas Gerais (PCMG) cumpriu, na manhã desta terça-feira (26/9), mandado de internação provisória expedido para um adolescente, de 13 anos, investigado por ato infracional análogo ao crime de homicídio cometido contra outro jovem, de 15, no dia 9 de setembro, em Januária, região Norte do estado.

A investigação, conduzida pela equipe especializada em apuração de homicídios, constatou que no dia dos fatos a vítima, o primo dela e outros três amigos estavam tomando banho no Rio São Francisco, nas proximidades do Aterro da Copasa, na região do bairro Vila Margareth, conhecido por “Galileia”, quando foram surpreendidos por dois suspeitos.

No local, eles chamaram especificamente pela vítima, que, ao se manifestar, foi atingida por três disparos de arma de fogo, um no tórax, outro na perna e um no ombro.

O adolescente faleceu em decorrência das lesões, e os suspeitos fugiram. A investigação apontou, ainda, que o crime foi premeditado pelos envolvidos, uma vez que eles sabiam que a vítima tinha o hábito de ir ao rio no final do dia.

Responsável pela investigação, o delegado Farley Guedes Oliveira disse que a equipe policial reuniu provas da participação do adolescente no atentado.

"Assim, concluímos o procedimento instaurado em desfavor do adolescente e representamos pela internação provisória dele", explicou Farley, explicando que o crime pode ter relação com uma série de atentados e confrontos armados envolvendo dois grupos rivais.

"A motivação ainda será esclarecida pela equipe de investigadores, contudo, não descartamos a possibilidade de existir uma conexão com estes conflitos", concluiu.

Sobre os próximos passos da investigação, o delegado explica que os levantamentos estão concentrados em identificar o outro envolvido no crime e em apurar se houve um mandante.

***

Jornal Estado de Minas, de BH:

Adolescente de 13 anos que matou rival é apreendido no interior de Minas

O menino teria matado outro adolescente de 15 anos por conflitos entre grupos rivais, afirma delegado do caso

Um adolescente de 13 anos foi apreendido por homicídio nessa terça-feira (26/9). Segundo a investigação da Polícia Civil, o suspeito teria matado outro jovem, de 15, no dia 9 de setembro, em Januária, Região Norte do estado.

No dia do ocorrido, a vítima, o primo dele e outros três amigos estavam tomando banho no Rio São Francisco, nas proximidades do Aterro da Copasa, na região do bairro Vila Margareth, conhecido por “Galileia”, quando foram surpreendidos por dois suspeitos.
No local, eles chamaram especificamente pela vítima, que, ao se manifestar, foi atingida por três disparos de arma de fogo, um no tórax, outro na perna e um no ombro. O adolescente morreu em decorrência das lesões, e os suspeitos fugiram.

A investigação apontou, ainda, que o crime foi premeditado pelos envolvidos, uma vez que eles sabiam que a vítima tinha o hábito de ir ao rio no final do dia.

Motivado por confronto
De acordo com o responsável pela investigação, o delegado Farley Guedes Oliveira, o crime pode ter relação com uma série de atentados e confrontos armados envolvendo dois grupos rivais.



"A motivação ainda será esclarecida pela equipe de investigadores, contudo, não descartamos a possibilidade de existir uma conexão com estes conflitos", concluiu.



Sobre os próximos passos da investigação, o delegado explica que os levantamentos estão concentrados em identificar o outro envolvido no crime e em apurar se houve um mandante.

Compartilhe
Siga-nos nas redes sociais